Riggs ao lado de seu treinador, o xerife David Titf
Reprodução/Facebook
Riggs ao lado de seu treinador, o xerife David Titf

Riggs, um oficial K9 do Departamento de Polícia do Condado de Kenosha em Wisconsin passou por um grande susto durante uma operação na qual perseguiam um suspeito ligado a vários assassinados em Chicago. Durante a prisão, Riggs, que havia derrubado o suspeito, foi atingido por um tiro na cabeça.

O Pastor Alemão, de oito anos de idade, se recuperou após alguns dias internado em um hospital veterinário em Illinois, recebeu alta no domingo (24) e está de volta para casa. "Eles o trouxeram, nós o triamos e eles decidiram que apenas tínhamos que ver o que estava acontecendo", disse o veterinário Dr. Taylor Naef à ABC7. "Nós o estabilizamos [e] ele estava um pouco trêmulo depois de levar uma bala na cabeça".

Ao deixar o hospital, Riggs foi recebido por um grupo de oficiais humanos e K9, que se reuniram do lado de fora do hospital para homenagear o cachorro, que é considerado um herói por todos.

"Somos gratos pela quantidade de apoio recebido pelas agências vizinhas e pela comunidade do condado de Kenosha. Bem-vindo de volta, Riggs!", escreveu o departamento no Facebook, que compartilhou as fotos que mostram Riggs sendo saudado por uma procissão de seus apoiadores da comunidade.

Leia Também

Leia Também

O xerife David Beth relembrou o momento em que o cachorro, que passou cinco anos na força policial, foi ferido, o chamando de “herói”. "Em muitos aspectos, ele é um herói hoje porque, pelo menos inicialmente, derrubou o suspeito, impedindo-o de correr para a Highway 50", disse ele à NBC Chicago. "No meu mundo, Riggs é um herói e possivelmente salvou outra pessoa de ser ferida".

Riggs, junto ao delegado e treinador, Terry tift, está se afastando do trabalho após a recuperação. “Foram alguns dias difíceis”, disse o treinador à ABC7.

"Ele é família, sempre foi", continuou. "Ele é um cachorro doce, mas fez seu trabalho e salvou minha vida... A demonstração de apoio da comunidade significa mais para mim do que vocês jamais irão imaginar", completou o delegado.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários