Tamanho do texto

Nate parou suas entregas diárias quando percebeu que o animal morreria de frio se não fosse resgatado

Nate Ohlman é um carteiro que trabalha no estado do Missouri, nos Estados Unidos. Um dia bem cedo, enquanto ele fazia suas entregas, percebeu um  cão abandonado no final de uma rua sem saída. Estava muito frio, e o animal parecia estar lutando muito contra o clima para manter sua temperatura aquecida.

Então o carteiro decidiu que precisava ajudar o cachorro idoso antes que fosse tarde demais. Nate se aproximou devagar para não assustar o animal, e fez barulhos chamando-o para perto, quando percebeu que o cão além de idoso, não ouvia nem enxergava bem.

cachorro idoso e homem que resgatou
Facebook/ Nate Ohlman
Nate e o cachorro idoso resgatado por ele


“Quando percebeu que eu estava tentando fazer com que ele se aproximasse, o cachorro veio rapidamente para perto do meu caminhão. Ele estava muito magro e com queimaduras de frio”, contou Nate ao The Dodo.

O animal foi batizado de Sloan, e logo que subiu no caminhão do carteiro, foi levado ao hospital veterinário mais próximo. Como ainda tinha que trabalhar o resto do dia, Nate deixou o  cão lá e torceu para que ele não estivesse doente. Ele também fez com que as atendentes ficassem com seu contato para atualiza-lo da situação de Sloan assim que possível.

As notícias foram boas por um lado: o  cachorro não estava doente, mas estava muito desnutrido. Logo que saiu do hospital, ele foi levado ao KC Pet Project, uma ONG que cuida de pets abandonados. Lá, ele foi medicado e ficou em observação durante muitos dias. Descobriram que Sloan tinha por volta de 12 anos, e é da raça Pit Bull Terrier mas que precisaria de muito cuidado antes de ir para seu novo lar.

Depois de algumas semanas o cachorro finalmente estava em condições de ir para uma casa, e Tori Fugate, a responsável pela ONG, sabia exatamente para quem ligar. E foi com muito gosto que Nate acolheu Sloan em sua casa, onde agora eles são melhores amigos.