Tamanho do texto

Todos os dias a gatinha aparecia na casa de uma família e tentava guardar uma parte da comida que recebia; até que foi resgatada

O instinto materno não é algo exclusivo dos humanos e a história de uma gata grávida comprova isso. Sabendo que em um futuro próximo teria que cuidar e alimentar seus filhotes, a gatinha decidiu encontrar uma forma de garantir comida antes de dar à luz. 

A gata grávida começou a se aproximar de residências em Montreal, no Canadá, em busca de alguém que a alimentasse. Quando uma família ofereceu ração para ela, a gatinha decidiu voltar ao local todos os dias. Ela esperava na janela até que alguém da casa aparecesse para ajudá-la. 

undefined
Reprodução Facebook/ Chatons Orphelins Montréal
A gata grávida começou a frequentar a mesma casa todos os dias para se alimentar e guardar comida para seus futuro filhotes

Leia também: Esquilo selvagem é pego no flagra roubando comida; assista ao vídeo

Além de se alimentar bem, coisa que um animal precisa fazer durante a gestação, a gatinha tentava guardar um pouco da ração para seus futuros filhotes. Então, os donos da casa que se tornou ponto de alimentação para a gata, perceberam que havia algo de errado e decidiram pedir ajuda de resgate, já que não poderiam ficar com ela. 

Nadia, voluntária do abrigo Chatons Orphelins Montréal, que trabalha com o resgate de animais, foi quem chegou na casa da família para ajudar a gatinha. Uma família adotiva já esperava pela pet. 

Leia também: Doença da arranhadura do gato é comum e atinge humanos e cães

Ninguém sabia que Laloue, como passou a ser chamada, estava grávida, mas por causa do resgate e de sua nova casa, pode dar à luz em segurança. Nasceram quatro filhotes saudáveis e graças ao instinto materno da gata grávida , mãe e filhos estão sendo muito bem tratados pelos novos donos. 

undefined
Reprodução Facebook/ Chatons Orphelins Montréal
Os filhotes nasceram com saúde e estão sendo bem tratados