Tamanho do texto

Quando o encanador James Reynolds tocou a campainha para fazer um serviço em uma casa, ele recebeu uma surpresa na porta da frente

James Reynolds é um encanador inglês que sempre faz pequenos serviços na casa de seus clientes. Dessa vez ele havia sido chamado para fazer uma consulta de rotina no encanamento de uma casa, mas ele não imaginava que enquanto esperava para entrar na residência, ele teria sua atenção voltada para o cachorro esperto que morava lá. 

Leia também: Cachorro com mau hálito é normal? Mitos e verdades sobre a saúde bucal dos pets

Logo que chegou, James tocou a campainha. Ele percebeu que alguma coisa se moveu na janela, e depois de alguns segundos uma cabeça surgiu pela passagem do gato que fica na parte inferior da porta. Quem apareceu não foi o dono da casa, mas sim um cachorro esperto  que gosta de levar sua bolinha para que quem está esperando do lado de fora jogue pela passagem do gato. 

Cachorro esperto brinca com encanador pela entrada de gatos na porta de casa
Twitter/ James Reynolds
Cachorro esperto brinca com encanador pela entrada de gatos na porta de casa


Antes que percebesse que o cão estava com a bolinha na boca, pronto para começar a brincadeira, James apenas acariciou a cabeça dele. Foi só quando o pet soltou a bola no chão que o encanador percebeu o que ele queria. "Eu achei que ele ia fazer isso só uma vez, mas acontece que toda vez que eu jogava a bolinha pela passagem do gato, ele voltava e me devolvia ela para que eu jogasse novamente", contou em entrevista ao The Dodo.

Leia também: Poodle resgatado de canil em condições precárias não sabe dormir deitado

Para que acreditassem quando James contasse que ficou brincando com um cão por uma passagem tão pequena, ele resolveu registrar os momentos por vídeo. O resultado teve uma repercussão enorme no Twitter: mais de 13 mil pessoas favoritaram a postagem, e quase 3 mil curtiram. 

Assista:



Quando o dono finalmente apareceu para abrir a porta, o encanador explicou o que havia acontecido. "Ele só respondeu que é comum o cachorro fazer isso", revela. Apesar de não ter se sentido mais tão especial pela brincadeira inesperada, quando entrou na casa James foi devidamente apresentado ao cão. "Eu teria ficado mais tempo brincando com ele, mas tive que fazer meu trabalho", finaliza.

O inglês espera voltar mais vezes na casa desse cliente para ter mais tempo de brincar com o  cachorro esperto . Nas próximas vezes ele pretende até chegar uns minutos mais cedo para poder ficar na companhia do pet. 


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.