Tamanho do texto

Ninguém descobriu o que motivou o abandono, mas acredita-se que os antigos donos não tinham mais condições de cuidar do peludo

Quando tinha 3 anos de idade, o cão Wall-E deixou o Serviço e Controle de Animais do Município de Maricopa (MCAAC) e foi adotado por uma família do Arizona, Estados Unidos. O pet ganhou um teto para morar, foi mimado e recebeu muito amor. Porém, três anos depois, os donos decidiram abandoná-lo com todos os seus pertences empacotados em sacos de lixo.

Leia também: Cão de George H. W. Bush não abandona ex-presidente mesmo após sua morte

Confuso e sozinho, o cão de seis anos foi devolvido para o abrigo que vivia anos atrás junto de sua caminha, brinquedos e guloseimas prefidas. Ninguém descobriu exatamente o que motivou o abandono, mas há relatos de que os donos não tinham mais condições de cuidar do peludo. A equipe disse que choraram muito durante a despedida.

Cão é abandonado com todos seus pertences empacotados em sacos de lixo
Reprodução Facebook
Cão é abandonado com todos seus pertences empacotados em sacos de lixo

Os funcionário do MCAAC defenderam os antigos donos do Wall-E, escrevendo em um post no Facebook: "Esse cara merece uma família que não vai desistir dele. Por favor, não julguem seus antigos donos. Nós não conhecemos a história deles." Apesar disso, o abandono ainda é uma atitude ruim e não recomendada. 

Leia também: Bulldog Francês reivindica um banco no ônibus após motorista exigir sua passagem

Para piorar a situação de Wall-E, o abrigo não tem condições de acomodar todos os animais que recebe. Por mais que sejam obrigados a aceitar qualquer bichinho que aparecer, às vezes são obrigados a sacrificar quando a capacidade é ultrapassada. 

"A gente tem mais de 800 animais em nosso abrigo agora", explicaram em entrevista ao site Metro. “Temos que sacrificar quando ficamos sem espaço, porque legalmente somos obrigados a acolher todo cachorro que vem até nossas portas". Isso porque o MCAAC é o segundo maior abrigo nos Estados Unidos. 

Leia também: Donos têm reencontro emocionante com gato após ele fugir de incêndio

Felizmente, o canino escapou desse destino terrível. Para ajudá-lo a encontrar um lar definitivo, a equipe compartilhou a história em sua página no Facebook. Muitas pessoas se comoveram, mas uma em especial se apaixonou por Wall-E. Assim que Lynn Lee viu a foto dele, se dirigiu ao abrigo para adotá-lo. Agora, com uma nova família, espera-se que o cão seja muito feliz.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.