Tamanho do texto

Ao contrário do que se imagina, o felino não come os pêssegos, mas os protege dos outros

O mais comum é encontrar animais afeiçoados aos seus brinquedos, ursos de pelúcia ou até mesmo cobertas, mas nem todos seguem essa regra, como o gato Ozzy de cinco anos. Sua verdadeira paixão são os pêssegos, muito comum na região sul dos Estados Unidos. O mais engraçado é que ele não come a fruta — como é de se esperar —, mas a protege dos outros.

Leia também: Cão arrasta um aspersor de jardim para dentro de casa e molha todo o cômodo

Gato que é apaixonado por pêssegos faz sucesso nas redes sociais
Reprodução Twitter
Gato que é apaixonado por pêssegos faz sucesso nas redes sociais

Sim, Ozzy gosta de deitar em cima dos pêssegos ou só ficar em pé ao redor deles. O gato foi apresentado a essa suculenta fruta logo que foi adotado. "Ele os encontrou na mesa e imediatamente começou a se esfregar, então achamos que provavelmente é da sensação dos pêssegos que ele gosta", disse Lydia Coutré, dona do pet, ao site americano The Dodo.

Os tutores costumam colocar a fruta em cima de jornais para amadurecer, oferecendo a Ozzy a oportunidade perfeita para se aninhar. Uma vez, a mãe de Lydia colocou os pêssegos no porão para esconder de Ozzy, mas não funcionou. Rapidamente o bichano encontrou o esconderijo e acabou com a brincadeira. 

Leia também: Cão perdido é encontrado após um ano e a 110 quilômetros de sua casa 

Obviamente, o gosto inusitado do felino virou diversão na família Coutré. Lydia começou a tirar diversas fotos de Ozzy dormindo entre os pêssegos para compartilhar com seus parentes, até que um dia resolveu postar no Twitter . Em poucos dias a publicação viralizou, somando mais de 180 mil curtidas.


O sucesso instantâneo do post trouxe fama ao Ozzy. Depois desse dia, a tutora compartilha várias fotos do bichano aninhado aos seus pêssegos. O estrelato também chegou ao Instagram, onde são publicados imagens dele ao lado da irmãzinha Darcy. 

Leia também: Foto de poodle viajando sentado em trem gera polêmica no Twitter

"Estou feliz que a internet o ame tanto quanto nós", acrescentou Lydia. Apesar do imenso sucesso, o gato não parece se importar com curtidas e número de seguidores. Sua maior preocupação é aproveitar a temporada de pêssegos antes que acabe.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.