Tamanho do texto

A foto do cachorrinho Orelha foi incluída no quadro de formandos ao lado dos outros homenageados

Orelha, um simpático cãozinho vira-lata, foi lembrado em um dos momentos mais importantes na vida de qualquer universitário: a formatura. Ele recebeu uma linda homenagem dos formandos do curso de Ciências Biológicas da Universidade Federal de Pelotas e sua foto foi colocada no quadro junto com os alunos. 

Saiba mais:  Universidade faz cerimônia de despedida para bulldog; veja por que

O vira-lata , que é o mascote do campus, tem esse nome inusitado porque perdeu parte da sua orelha. Ninguém sabe ao certo como isso aconteceu, mas provavelmente foi durante uma briga com outros animais. Ele precisou de cirurgia para reparar o machucado.

Vira-lata Orelha é homenageado na formatura dos estudantes de Biologia
Reprodução Facebook
Vira-lata Orelha é homenageado na formatura dos estudantes de Biologia

Com aproximadamente dez anos, Orelha mora no Instituto de Biologia desde que foi abandonado. Os professores e estudantes da universidade se tornaram seus novos donos, cuidando e dividindo todos os custos de alimentação e veterinário.

Veja também:  Após diversos abandonos, cão surdo é adotado e aprende linguagem dos sinais

Por causa desse carinho que todos sentem por Orelha, foi sugerido que ele fosse homenageado na formatura. A princípio era apenas uma brincadeira, mas todos adoraram a sugestão e concordaram em por a ideia em prática.

Vira-lata Orelha é homenageado na formatura dos estudantes de Biologia
Reprodução Facebook
Vira-lata Orelha é homenageado na formatura dos estudantes de Biologia

Apesar de não ter comparecido, a oradora Yasmin Mello mencionou o cão em seu discurso. “Como falar dos nossos homenageados e não se lembrar do que é, sem dúvida, o mais querido de todos. Orelha, gostaríamos de agradecer por todos os teus ois cedo da manhã e por todas às vezes em que tu nos acompanhantes até a parada tarde da noite. Nenhum de nós gosta de estar só, e graças a ti isso sempre foi raro no nosso cotidiano. Sempre dizem que os animais amam imediatamente e são gratos eternamente, hoje somos nós que lhe juramos amor eterno e gratidão por todo o carinho que tu demonstrou a nós.” A declaração foi tão comovente que acabou sendo publicado no Facebook. 

Mais:  Bombeiros salvam filhote que prendeu cabeça em roda de carro

Além do vira-lata Orelha, existem outros cachorros que circulam pelo campus em Capão do Leão, onde fica a faculdade. Provavelmente eles também receberão homenagens em formaturas futuras.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.