Se você tem pouco espaço e busca um animalzinho para ser seu companheiro: fique longe dos hamsters! Eles são muito inquietos, sujos e traiçoeiros. Ou pelo menos é isso que muita gente, injustamente, acredita. Por conta disso, fizemos uma lista com os preconceitos e estereótipos que os hamsters carregam.

hamster
Pixabay/Reprodução
Motivos para ficar longe de hamsters


Aviso: essa lista contém altos níveis de ironia!

Fazem muita bagunça


Hamsters são noturnos e tem muita energia, então passam quase o dia inteiro fazendo barulho e bagunçando a gaiola. Se você busca silêncio e paz, fique longe desses bichinhos.

São frescos para comer


Hamsters têm uma dieta extremamente restrita, gostam de poucos vegetais e frutas, o melhor é alimentá-los só com ração mesmo.

São nojentos


Esses pequenos roedores, além de feios, são também anti higiênicos e nojentos. Fazem questão de viver em ambientes sujos e não ficarão nem um pouco feliz quando você limpar a gaiola. Cuidado!


São preguiçosos, não gostam de fazer atividades físicas


Na vida dos hamsters as coisas são claras: bagunça, sim, exercícios, não. Quando você quiser incentivá-lo a fazer uma atividade que exija mais energia dele, como correr em rodinhas, passar por canos ou labirintos, esqueça. Eles não ligam para esse tipo de coisa.

São violentos

Uma das melhores partes de ter um animal é o amor e o carinho que podem ser trocados. Menos no caso de hamsters. Esses são extremamente ariscos e violentos, não gostam de outros animais e provavelmente sempre que você tentar pegá-lo no colo ou dar carinho, receberá uma bela mordida.

Não são inteligentes

Já pensou ter um pequeno hamster educado e que sabe fazer truques? É um sonho distante. Infelizmente eles não têm grande capacidade cognitiva e são pouco inteligentes, sendo assim quase impossível ensiná-los truques ou adestrá-los.

Mas não é bem assim...

Comentários do tipo podem ser ouvidos o tempo todo, mas geralmente da boca de pessoas que não têm conhecimento suficiente sobre os hamsters. O biólogo Luiz Roberto Lisboa, responsável pelo setor de roedores da Cobasi afirma que essas informações estão erradas.

"Hamsters são inteligentes, divertidos e curiosos, além de bastante higiênicos. Despertam a atenção especialmente das crianças, e com elas, aliás, podem formar uma ótima parceria de convivência -- desde que sejam instruídas em relação aos cuidados essenciais de manejo", conta o especialista.

Esses animais também são dóceis e adoram qualquer tipo de atividade interativa. Desde a rodinha na gaiola até labirintos que podem ser improvisados com caixas.

"Dieta variada é outra característica da espécie, na natureza, comem de tudo um pouco, eles são onívoros. E para mantê-los sempre saudáveis em nossas casas temos no mercado ótimas opções de alimentos formulados exclusivamente para eles, mas vale a pena ainda oferecer frutas e verduras especificas para enriquecer ainda mais o seu cardápio", explica Luiz.

Com os cuidados corretos, esse bichinho tão pequeno pode se tornar um grande parceiro de toda a família, não se deixe levar por comentários preconceituosos e informações duvidosas.


    Veja Também

      Mostrar mais