Maggie em seus últimos momentos de vida
Reprodução
Maggie em seus últimos momentos de vida

Marianna Wilson e Elijah Saltzgaber tiveram que tomar a decisão mais difícil de suas vidas. Depois de acompanharem à árdua luta contra um câncer da amada cadela Maggie, desde um terrível diagnóstico em julho, os tutores acreditaram que a forma mais digna para ela seria sacrificá-la. Mas antes de deixa-la partir, eles prepararam tudo para que o último dia de Maggie fosse o mais perfeito possível.

Assim, antes da derradeira despedida, eles combinaram um final de semana repleto com todas as coisas que a cadela mais gostava de fazer: muito carinho na barriga, comida, remar, brincar de buscar a bolinha, acampamento, mais comida e mais carinhos na barriga. Eles até encontraram uma maneira de fazer nevar, para que ela pudesse brincar na neve pela última vez.

Marianna Wilson e Elijah Saltzgaber tomaram a difícil decisão de eutanasiar a cadela de estimação
Salt Lake County Parks and Recre
Marianna Wilson e Elijah Saltzgaber tomaram a difícil decisão de eutanasiar a cadela de estimação

Em homenagem ao último dia de Maggie, o Salt Lake County Ice Center, uma pista de patinação no gelo de Utah, nos estados Unidos, transportou baldes de gelo para a casa da família de Maggie, só para que ela pudesse brincar com eles pela última vez.

Horas depois da brincadeira, Maggie se foi.

Leia Também

Leia Também

Maggie também fez suas outras coisas favoritas, incluindo massagens na barriga, comida, paddleboarding, brincar com a bola, acampar, mais comida e mais massagens na barriga.
Salt Lake County Parks and Recre
Maggie também fez suas outras coisas favoritas, incluindo massagens na barriga, comida, paddleboarding, brincar com a bola, acampar, mais comida e mais massagens na barriga.

“Hoje foi um dia agridoce, pois tivemos a oportunidade de ajudar a fazer a diferença para um cão muito especial, a Maggie”, disse um porta-voz do Salt Lake County Ice Center disse ao SWNS, afirmando que ficaram muito felizes em poder ajudar.

"Estamos devastados e já sentimos o enorme vazio de sua ausência", disseram os tutores, que vivem no condado de Salt Lake County, à agencia de notícias britânica. Apesar de saberem que os últimos momentos de Maggie foram tão alegres e reconfortantes, os enche de questionamentos.

"Nós poderíamos esperar mais uma semana? Mais um mês? No final das contas, todas as nossas barganhas e segundas suposições nos levaram de volta ao nosso desejo de libertá-la da dor de seu câncer", disseram. "Por mais difícil que tenha sido a decisão de acabar com seu sofrimento, ficamos confortados em saber que ela partiu com graça e dignidade".


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários