Tamanho do texto

Rosa e Lily não largam uma da outra para não serem adotadas separadamente; veja fotos

Milhões de  gatos estão disponíveis para adoção ao redor do mundo. Mas o que Rosa e Lily deixaram claro é que não serão adotadas por pessoas diferentes. As duas gatas para adoção levaram sua amizade para outro nível: elas seguram a pata uma da outra para mostrar aos humanos que não querem ser separadas de forma nenhuma.

gatas fofas
Instagram/ Andrea Christian
Rosa e Lily,as gatas para adoção que ficam juntas o tempo todo


Rosa, a gata preta , chegou para Andrea Christian, a dona temporária, abaixo do peso e triste. Algumas semanas depois, foi a vez de Lily, uma mistura de gato siamês , aparecer. Só que ela estava em uma situação pior: ela havia acabado de sair da UTI, e estava tomando antibióticos, além de também estar abaixo do peso. “Depois de acolher as duas achei que era a hora de apresenta-las”, contou Andrea ao The Dodo.

E essa foi a melhor coisa que Andrea fez. Foi amor à primeira fungada! Lily ainda estava muito debilitada, pois sofria com a toxoplasmose , uma doença comum em gatos de rua. O papel de Rosa foi mais do que importante nesse momento, já que ela fazia companhia para Lily em suas sessões de hidroterapia, que eram necessárias para ajuda-la a andar.

Veja a foto onde as duas seguram suas patas:


Foi assim que um laço de amizade e amor se criou entre as duas gatas . Quando uma vai explorar seu lar temporário, a outra vai atrás. Enquanto uma tira um cochilo, a outra faz companhia. Se Rosa vai comer, Lily também vai, e come no mesmo pote de ração.

A única coisa que ainda preocupa Andrea é se as melhores amigas encontrarão um lar que acolha as duas juntas. Porém, a dona temporária continua otimista: ela acredita que assim que os possíveis adotantes virem-nas irão se apaixonar pelas duas e perceber o quanto uma é indispensável para a outra.