Tamanho do texto

A cadela, que faleceu após ser espancada pelo segurança de um supermercado em 2018, deu nome ao primeiro Hospital Veterinário Público da cidade de Osasco

Após a história de  Manchinha, que em 2018 faleceu após ser envenenada e espancada por um funcionário do Carrefour, ter tomado reconhecimento nacional, a Prefeitura de Osasco, na Grande São Paulo, usou o acidente para fazer uma boa ação. Agora, no próximo dia 23,  a cidade vai inaugurar seu primeiro Hospital Veterinário Público. A data  é marcada pela comemoração da emancipação política e administrativa do munincípio. 

Manchinha morreu após ser agredida por funcionário de rede de supermercados
Reprodução/redes sociais
Manchinha morreu após ser agredida por funcionário de rede de supermercados


No fim de novembro, o caso de  Manchinha estava por toda a mídia. Agora a vira-lata não será mais esquecida, já que seu nome foi usado para nomear o primeiro Hospital Veterinário Público da cidade de Osasco. 

Leia também: Cadela de Emiliano Sala vai ao velório do dono e emociona público

O hospital fica no Pet Parque, localizado na avenida Franz Voegeli, 930, Jardim Wilson. Além de consultórios, também existe um centro cirúrgico, clínica médica para realização de exames de imagem e sangue, sala de medicação e internação. O local será administrado pela Anclivepa (Associação de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais).

O animal que precisar de atendimento pode visitar o hospital de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. No dia da inauguração, próximo dia 23, os visitantes poderão aproveitar de diversas atividades com seus animais de estimação no Pet Parque, como food trucks, brinquedos e mais.

Aumento da pena para crime de maus-tratos aos animais

Após o caso da cadela espancada, a pena para maus-tratos aos animais mudou. Antes, a punição era de detenção que podia variar de 3 meses à 1 ano, e pagamento de multa. Agora, varia de 1 a 4 anos de prisão, com o pagamento de multa mantido. Estabelecimentos comerciais que estiverem envolvidos nos casos também serão punidos. 

Confira a Lei diretamente do site do Senado:

" Ementa: 

Altera a Lei nº 9.605, de 12 de fevereiro de 1998, para elevar a pena de maus-tratos e estabelecer punição financeira para estabelecimentos comerciais que concorrerem para esta prática.

Explicação da Ementa: 

Altera a Lei de Infrações Ambientais para elevar a pena do tipo penal de prática de maus-tratos a animais e estabelecer multa a estabelecimentos comerciais que concorram para a prática de maus-tratos. "

Leia também: No Dia Mundial do Gato, veja porque cada vez mais os bichanos nos conquistam

Na ocasião do acidente com  Manchinha , o funcionário responsável por sua morte negou que tivesse machucado propositalmente a cadela, alegando que havia recebido ordens de tirá-la do estacionamento do local, e que percebeu que a tinha ferido apenas quando ela já estava sangrando. Agora, Manchinha entrou para a história de Osasco, e jamais será esquecida pelos moradores da região. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas