Tamanho do texto

A família precisou contratar advogados para conseguir a libertação do cachorrinho Bungle

Você já viu um cachorro ser preso? Provavelmente não, mas essa situação aconteceu na Inglaterra, na última semana. Tudo começou quando um filhote da raça Chow Chow fugiu de casa e foi encontrado vagando pelos policiais na estrada em Towcester. O cachorro, considerado um perigo, se sentiu acuado e mordeu duas vezes o oficial. A consequência disso foi a prisão .

Leia também: Em foto, cão não esconde a satisfação ao destruir metade de uma porta

Essa situação se estendeu por nove meses e sua família precisou contratar advogados para conseguir a libertação de Bungle. Segundo os donos, David e Susan Hayes, a decisão de prender o Chow Chow  foi “insensível” por parte das autoridades, uma vez que se trata apenas de um filhote.

Chow Chow é preso por nove meses e família contrata advogados para ajudar na libertação do cão
Reprodução Facebook
Chow Chow é preso por nove meses e família contrata advogados para ajudar na libertação do cão

Contudo, o superintendente-chefe Chris Hillery defendeu o modo como a polícia lidou com o caso. “A decisão de deter Bungle foi tomada no contexto de alguns casos muito reais e sérios envolvendo mordidas de cães que resultaram em sérios danos à vida e até mesmo morte”, declarou em nota.

Leia também: Cão fiel espera dona que morreu em estrada há mais de 80 dias

A história ganhou força nas redes sociais na última segunda-feira, após Joseph Hayes fazer um apelo em seu Facebook. O homem publicou várias fotos do pequeno Bungle junto de sua família, seguido da legenda “um cachorrinho chow chow encarcerado pela polícia há nove meses”.

Muitos internautas se comoveram com a situação e enviaram mensagens de apoio. "Obviamente a polícia sabe muito pouco ou nada sobre animais. Ele é apenas um cachorrinho assustado! Espero que em breve esteja em casa com sua família, pois é onde deveria estar", comentou uma usuária. 

Além disso, uma página chamada “Libertem o Bungle” foi criada para ajudar na liberação do pet. Até o momento mais de cinco mil pessoas integram a petição. 

Leia também: Loja de móveis abriga cães de rua para protegê-los do frio na Itália

Após muita pressão por parte da família e apoiadores do caso, Bungle foi liberado pela polícia de Northamptonshire na última sexta-feira. Um especialista em cães se encontrou com a família nesse dia e os convenceu de adestrar o pequeno  Chow Chow . Pelo menos essa história inusitada teve um final feliz. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.