Tamanho do texto

Laura Myatt resolveu se mudar para a Romênia para cuidar de cães abandonados

Toda nossa rotina muda ao adotarmos um animal. Mas a rotina de Laura Myatt, de 31 anos, mudou drasticamente após se mudar da Inglaterra para a pequena vila de Bacau, na Romênia. Por ser uma protetora de animais, Laura decidiu fazer essa mudança para resgatar cães. 

Leia também: Disputa por um filhote gera briga entre casais de pinguins em zoo

Fotos de Laura com animais resgatados. A protetora de animais percorre a Romênia para salvar cães
Facebook
Fotos de Laura com animais resgatados. A protetora de animais percorre a Romênia para salvar cães


Laura disse em entrevista ao jornal "Mirror" que já viu coisas horríveis. "Se fosse na Inglaterra, com certeza as pessoas seriam punidas." A protetora de animais resgata cães que foram abandonados em latas de lixo, caixas, mochilas e sacolas plásticas.

A vida da inglesa mudou quando em 2016 ela começou a se voluntariar na Sadie’s Stray Dog Rescue. A instituição já salvou e resocializou mais de 700 filhotes por toda Inglaterra só nos últimos 4 anos. 

"Alguns acham que eu sou louca. Mas esse é meu propósito de vida, salvar vidas. E é isso que eu estou fazendo", conta Laura. Ela se mudou para um apartamento pequeno perto da Transilvânia, e trabalha 15 horas por dia em uma país que ela não fala a língua. Deixar pra trás um bom emprego e uma vida confortável não foi fácil.

Leia também: Adoção de animais: conheça cães e gatos que estão procurando um lar

Segundo ela, muitos dos animais congelam no frio ou "cozinham" no verão. "Infelizmente é a condição em que mais achamos os cachorros. Congelando ou morrendo de calor. Eles também passam fome e ficam muito machucados."

As cidades na Romênia tem abrigos para cães e patrulhas que buscam os animais em estado de abandono. Mas isso não é uma boa notícia: se os animais não são resgatados no abrigo após 14 dias, eles são eutanasiados. 

O trabalho de Laura é evitar que isso aconteça. Ela busca os cães, leva eles ao veterinário, atualiza as vacinações, dá banho e providencia toda a papelada para que eles possam viajar à Inglaterra para conseguir um novo lar. 

Leia também: Cão salva seu irmão canino de um afogamento e evita uma tragédia

Com mais de 9.000 seguidores no FaceBook, o Sadie’s Stray Dog Rescue conta com 12 voluntários no Reino Unido e 4 na Romênia. A comoção do abrigo é grande: "A crueldade animal é algo que não deve ser aceito de forma nenhuma. Deve haver punição adequada para quem comete esses crimes", finaliza a protetora de animais .




    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.