Tamanho do texto

As pessoas normalmente acham que Nuts é idoso, mas ele tem apenas dois anos de idade

Nuts é um cachorro de apenas dois anos de idade, mas as pessoas frequentemente pensam que ele é muito mais velho por causa de sua longa barba. A raça dele, Griffon de Bruxelas, já é conhecida por ter bigode e cavanhaque avantajado, mas Nuts supera todos os exemplares. 

Leia também: Cão inteligente pede dinheiro aos clientes de loja para comprar petiscos

A barba se tornou perceptível aos oito meses, mas sua dona, Tatiana Kovalek, demorou a notar. "Eu nunca prestei atenção até que comecei a receber vários comentários de meus seguidores no Instagram", disse em entrevista ao site The Dodo. A atenção em cima do cachorro aumentava conforme a barba crescia. 

Agora, Nuts faz sucesso sempre que passeia pelas ruas de Moscou, na Rússia. Normalmente só comentam e elogiam a barba , mas algumas pessoas querem tirar foto. Felizmente o pet não se importa. Ele é bem receptível, simpático e adora conhecer gente nova. 

"Quase todos os dias ouvimos pessoas falar sobre sua aparência e barba", disse Kovalenok. “As crianças costumam dizer que ele é um 'cão engraçado' ou 'parece um vovô'. Quem é mais velho sempre o chama de 'cão elegante'. Inclusive, algumas pessoas o comparam com um hipster ou com o personagem de Star Wars, Chewbacca”. 

Leia também: Meghan Markle e príncipe Harry adotam um filhote de labrador

Tatiana conta que a barba não recebe nenhum tratamento especial e cresce naturalmente. "Eu costumava aparar antes, pois achava que era muito longa e o fazia parecer mais velho do que realmente era", explica ela. “Agora apenas cortamos algumas vezes por ano e deixamos como está".

Leia também: Fotos de cachorro super "expressivo" viraliza no Instagram

Apesar da aparência incomum, Nuts é um cachorro como todos os outros. Gosta de brincar, passar o tempo livre com os donos e fazer amigos. A diferença é que aprendeu a lidar com sua fama e os quase dois mil seguidores no Instagram.

    Leia tudo sobre: Instagram
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.