Tamanho do texto

Ninguém descobriu como Jake saiu do estado do Arizona e foi parar na Pensilvânia; o caso aconteceu nos Estados Unidos

Quando Adam Herbaugh foi passear com seus dois cães próximo de onde mora, em Roaring Spring, na Pensilvânia, não imaginava que retornaria com mais um. Durante a caminhada, avistou um cachorro perdido andando atrás dele. De brincadeira perguntou se ele gostaria de acompanhá-lo até em casa e o animal não pensou duas vezes. 

Leia também: Gata tem a melhor reação ao descobrirem que ela está grávida

Adam estranhou ter sido seguido e começou a pensar que o pet deveria ter um dono, não sendo um cachorro perdido qualquer. Para ter certeza, o levou ao hospital de animais na tentativa de encontrar um possível microchip. O palpite de Adam então se confirmou. O cão se chamava Jake e pertencia a alguém que morava em Phoenix, Arizona, a mais de 3 mil quilômetros da Pensilvânia.

Cachorro perdido é encontrado a mais de 3 mil quilômetro de distância de casa
Reprodução Facebook
Cachorro perdido é encontrado a mais de 3 mil quilômetro de distância de casa

Todos ficaram chocados com a distância percorrida por Jake. O hospital pediu ajuda a uma organização de resgate de animais para encontrar sua família. Descobriu-se que o pet estava perdido há quase um ano e meio, após desaparecer do quintal de casa. Ninguém conseguiu entender como ele conseguiu atravessar os Estados Unidos apenas andando. 

Leia também: Após 6 dias desaparecido, corpo de bombeiros resgata cão preso em penhasco

"Há especulações de que possivelmente um motorista de caminhão tenha encontrado Jake no Arizona e o tenha levado para a Pensilvânia, mas isso é apenas um palpite devido ao fato de termos uma grande empresa de caminhões em nossa pequena cidade", disse Renae Metz, presidente da organização ao site americano The Dodo. "Os donos de Jake não conhecem ninguém da Pensilvânia, ou qualquer um na Costa Leste, então eles estavam tão confusos quanto nós."

Como os verdadeiros donos de Jake tinham um bebê recém-nascido em casa, ficou a cargo da organização enviá-lo para Phoenix. A viagem por terra levou cinco dias, revezando entre diversos motoristas voluntários e fazendo algumas paradas. 

Quando finalmente Jake chegou a sua cidade e encontrou seu dono, ficou nítido o quanto sentiram falta um do outro. Agora, dificilmente ele voltará a ser um cachorro perdido , bem melhor ficar em casa ao lado de sua família.



Leia também:  Cão idoso torna-se pai de nove patinhos após a mãe deles desaparecer

    Leia tudo sobre: casa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.