Tamanho do texto

Denali se tornou uma celebridade entre as crianças no ginásio de escalada que frequenta

Quando Sandra Samman decidiu adotar um gato, sabia que precisava encontrar um animal aventureiro, que gostasse de esportes como alpinismo e acompanhasse seu estilo de vida ao ar livre. Então, quando conheceu Denali, percebeu que ele poderia ser um bom candidato para cumprir esses pré-requisitos. 

Vira-lata é homenageado na formatura de estudantes de Biologia

O bichano e seus irmãos foram resgatados de um celeiro no Novo México e enviados para um abrigo no Colorado. O gatinho de dois meses ficou apenas alguns dias para adoção, até Sandra levá-lo para casa. Apesar de parecer um pet comum, Denali surpreendeu a todos ao demonstrar um forte gosto pelo alpinismo

Essa peculiaridade foi descoberta por Sandra logo nos primeiros dias. A dona se tornou uma ávida alpinista após uma viagem pelo sudeste da Ásia. Desde a aventura, passa muito tempo em ginásios de escalada e se aventurando pela natureza. 

Porém, com a chegada de Denali, ficou difícil sair de casa sozinha porque ele se apegou rapidamente. A solução encontrada foi levar o bichano junto nessa atividades. A surpresa de Sandra foi ele adorar as escaladas. 

“Quando as crianças o veem, elas ficam muito animadas e nós também adoramos. Às vezes eu o coloco dentro de uma mochila e deixo as crianças subirem com Denali. Elas amam isso! Nós amamos espalhar alegria pelo local", comentou Sandra em entrevista ao site americano The Dodo. Denali realmente se tornou uma celebridade no ginásio que frequenta. 

Cão é preso pela polícia e sua imagem arrependido viraliza no Twitter

Apesar de adorar escalar paredes artificiais, o que o bichano gosta mesmo é de aventura ao ar livre. Ele e sua família já exploraram o Colorado, Novo México, Utah, Nevada, Wyoming e Kentucky, e planejam visitar muitos outros estados futuramente.

Sandra conta que Denali já fica animado logo quando pega o equipamento de alpinismo . Ela fica muito feliz de ter encontrado um gato tão companheiro como ele. É como se fossem feitos um para o outro.









Novo aplicativo ajuda a encontrar animais desaparecidos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.