Tamanho do texto

Ele não poderia ter caído em mãos melhores

Os bombeiros no Belmont Fire Department em Greenville, South Carolina, nunca pensaram em adotar um gato. Na verdade, muitos deles nem se imaginavam como pessoas que gostam de gatos. Mas dois anos atrás, tudo mudou quando o engenheiro Jordan Lide notou um pequeno e assustado gato de rua na grama do lado de fora do quartel de bombeiro.  


+Bombeiro arrisca a vida para salvar cão preso em penhasco

"Nós estavamos no quartel de bombeiros uma tarde, relaxando depois do fim de um turno, e quando nós começamos a sair, eu vi um pequeno gato na grama," contou Lide. "Então eu começei a vagarosamente andar em sua direção, e ele não correu, Ele estava extremamente mal alimentado, e tão magro quanto poderia ser."

Lide estendeu a sua mão para fazer carinho no gato, e ele adoro. "E no momento em que eu lhe fiz carinho, estava acabado," disse Lide. "Ele estava subindo em mim."


Notando que o gato estava magro demais, Lide entrou no prédio do quartel de bombeiros, encontrou algumas sobras de frango e trouxe de volta para o gato que ele havia encontrado.

"Ele comeu como se fosse a melhor coisa do mundo inteiro," disse Lide.

Depois disso, o gato se recusou a ir embora. Ele começou a ficar pelo quartel de bombeiros todos os dias. Lide continuou a alimentá-lo, e outros bombeiros começaram a fazer a mesma coisa.

"Nós começamos a invadir as cabines dos caras, dando comida para ele, e nós ganhamos ainda mais a sua confiança," disse Jordan Lide.


+Homem transforma seu quintal em um incrível playground canino

Lide tinha uma grande preocupação - o que seu chefe diria? Existia uma grande possibilidade dele não gostar de ter um gato de rua andando por todo o quartel de bombreiros. "Nós ficamos nervosos de contá-lo no começo," disse Lide.

Mas alguns dias mais tarde, Lide chegou ao trabalho e encontrou o chefe fazendo carinho em Flame, como o gatinho foi batizado.

"Nós pensamos, 'Oh, esse é um bom sinal,'" disse Jordan Lide. "E o chefe perguntou, "De onde veio esse gato?' E nós dissemos, "Ah, ele meio que vive por aqui agora.'"

Felizmente, o chefe dos bombeiros se apaixonou por Flame tão rápido quando Lide e os outros bombeiros haviam se apaixonado - e agora ele vive no quartel de bombeiros permanentemente.


"Ele vive nas cabines aonde todos os caminhões se encontram," disse Lide. "Nós tentamos trazê-lo para dentro antes, mas ele prefere estar fora nas cabines. Nós fechamos e trancamos as cabines dee noite, e de manhão quando nós chegamos, ele vêm nos ver logo na porta."

"Ele é unanimamente amado aqui nesse lugar," disse Lide. "Muitos dos caras até irão te dizer, 'Eu não sou amante dos gatos, mas o Flame - ele é simplismente diferente.'"

No começo, os bombeiros se revesavam para comprar a comida de Flame, mas então o chefe de bombeiros encontrou uma forma de colocar os custos de Flame no departamento deles. O time também deu um título oficial para Flame.
"Nós temos um monte de crianças que vêm aqui e fazem visitar, e uma das crianças perguntou se ele era um gato que prestava serviçoes, como um cão policial," disse Jordan Lide. "Então nós dissemos 'Sim, ele é um ótimo investigador.'"

E como um bombeiro de verdade, Flame parece compreender a importância que a água tem.

"Nós estavamos usando luvas de bombeiro na primeira vez em que fomos dar um banho nele," disse Lide. "Mas depois nós rapidamente percebemos que ele realmente não se importava. Ele literalmente se senta na água, e nós jogamos copos de água nele para lavá-lo. Se nós não o tiramos de lá, ele simplismente quer ficar na água."

Os bombeiros podem ter dado um lar para Flame, mas na opinião de Jordan Lide, Flame os deu muito mais.

"Ele providencia um descanso mental maravilhoso durante o dia," diz Lide. "Nós trabalhamos em turnos de 24 horas, e ás vezes nós vemos o pior lado das coisas. Mas ele quer estar por perto dos caras. Então não importa aonde você está no quartel de bombeiros, ele simplismente migra para o seu lado e se esfrega em você."    

E Jordan Lide não consegue mais imaginar a sua vida sem Flame.


"Eu amo o fato de que ele sempre está lá," disse Lide. "Quando você volta de seu turno ou você volta de uma ligação... ele sempre irá estar ali, esperando que você saia pela porta. Você pode contar com ele sempre."


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.