Tamanho do texto

Algumas vezes é comum que o nariz do cachorro fique seco, mas se isso se repetir e vier junto de outros sintomas é preciso ficar atento

Uma das características mais conhecidas dos cães é seu nariz gelado e molhado. Essa parte do corpo do animal regula a temperatura dele, ou seja, focinho seco às vezes pode ser sinal de febre ou outros problemas. Saber diferenciar quando se deve ficar atento de quando é apenas algo pontual é necessário para cuidar do pet. 

Leia também: Cachorro perdido é resgatado em alto mar, a 200 Km da costa da Tailândia

Depois de dormir durante muito tempo, é normal que o cachorro fique com focinho seco . O clima também é um quesito decisivo nessa hora: se o animal ficou muito tempo no sol, ou se a estação está muito seca, é comum que o nariz dele não fique molhado. O problema surge se com isso aparecem feridas e sangramentos no local.

focinho de cachorro
shutterstock
Focinho seco pode ser alerta para alguns problemas de saúde em cães



Leia também: Pitbull corajosa evita que dona seja picada por cobra venenosa

Motivos para o cachorro estar com o focinho seco

  • Baixa imunidade: pode ser que o animal precise de suplementação alimentar ou mudança de ração;
  • Parvovirose ou Cinomose: se a secura do nariz vier acompanhada de diarreia e vômitos, é possível que o cão esteja com uma dessas duas doenças;

Quando focinho seco se torna um sinal de alerta

  • Focinho seco e quente por muitos dias;
  • Sangramento nasal;
  • Aparecimento de protuberâncias;
  • Coceira constante do nariz;
  • Secreção amarela ou esverdeada;
  • Sinais de dor ao respirar.

Leia também: Homem se arrisca e entra em córrego com muita correnteza para salvar cadela

Caso seu cachorro apresente esses sintomas além do focinho seco é necessário leva-lo ao veterinário o mais rápido possível para evitar que a possível doença seja fatal para seu animal de estimação