Tamanho do texto

O seguro viagem para pets funciona da mesma forma que o para humanos e é importante quando se trata de uma viagem a passeio

Atualmente as  companhias aéreas oferecem passagens para animais de estimação e muitos hotéis ao redor do mundo se tornaram pet friendlies. O aumento na oferta desses produtos fez com que a inclusão do pet na viagem de férias se tornasse algo bastante comum - tanto em grandes, como em pequenos deslocamentos. 

O problema é que muitas vezes um ponto importante do planejamento é deixado de lado: a contratação do seguro viagem para pets . Ele funciona da mesma forma que para humanos (geralmente por reembolso) e garante que o animal receba todos os cuidados veterinários necessários em caso de emergência enquanto estiver viajando. 

cachorro na janela do carro arrow-options
Shuttersock
O seguro viagem para pets é indicado para todas as viagens a passeio, seja de carro, ônibus ou avião

"Um imprevisto com a saúde do cão ou gato de estimação pode sair muito caro. Por isso, contratar a cobertura de Despesas com Pets é uma forma de ser ressarcido por aquele gasto inesperado na viagem com atendimentos clínicos hospitalares emergenciais ou despesas com medicamentos prescritos nessas consultas", explica Tais Mahalem, superintendente de Marketing e Digital da APRIL Brasil Seguro Viagem.

Leia também: 5 dicas que podem ajudar na hora de viajar com o cachorro

Mas, a contratação do seguro viagem para pets é recomendada para todos os tipos de viagem? Leonardo Dias, sócio proprietário da Pet Work Travel, explica que "ele assegura o animal por um período, o que ele está viajando, por isso é vantajoso para uma viagem a passeio, mas quando se trata de uma viagem de mudança não é recomendável porque no destino o dono vai buscar por um plano de saúde, por exemplo, não por um seguro viagem". 

Agora, quando se trata de viagens a passeio , ter o seguro é indicado para todas elas, seja de carro, ônibus ou avião. Para que o contrato se concretize, o deslocamento deve ser superior ao determinado pela empresa de seguros. Na  APRIL Brasil, por exemplo, a distância mínima é de 70 Km. 

O que levar em conta na contratação do seguro viagem para pets? 

"Os viajantes devem averiguar se aquele produto atende às suas necessidades durante a viagem, se os valores das coberturas são adequados para o destino e quais procedimentos estão cobertos. Também é importante verificar quais documentos serão necessários para solicitar o reembolso ao retornar da viagem, como os comprovantes de pagamento das consultas e medicamentos, além dos relatórios de atendimento, entre outras exigências", indica Tais Mahalem.