Tamanho do texto

O açúcar e o mel, por exemplo, têm grandes propriedades curativas, sendo altamente recomendados em caso de acidentes e lesões

Manter o animal de estimação quietinho em um canto é impossível. Eles são muito brincalhões e agitados, por isso é normal que acabem se machucando de vez em quando. A recomendação é sempre levá-lo ao veterinário, principalmente se o machucado for profundo. Mas, dependendo do caso, é possível tratar feridas em cachorro em casa.

Leia também: Pata machucada ou mordida de outro cão? Saiba como tratar feridas em cachorro

A dica para cuidar de feridas em cachorro  é simples: basta limpar bem com água, desinfetar e cobrir com uma gaze. Lembre-se de impedir que o animal lamba a região para evitar infecção. Contudo, quando não se tem acesso a esses instrumentos em casa, o uso de remédios caseiros como um primeiro socorro pode ser uma alternativa.

Antes de a ciência inventar os medicamentos, as pessoas utilizavam métodos naturais para cuidar de ferimentos. Açúcar e mel, por exemplo, têm propriedades curativas, sendo altamente recomendados em caso de acidentes e lesões. Em certos caso é até melhor optar pela versão caseira, sem produtos químicos e completamente natural.

É importante sempre conferir com o veterinário a possibilidade de utilizar essa forma de medicamento antes de aplicá-la no animal. Confira alguns remédios caseiros que são recomendados para cicatrização de machucados. 

Açúcar

Confira algumas opções de remédio caseiros para tratar feridas em cachorro
Reprodução/ Redes Sociais
Confira algumas opções de remédio caseiros para tratar feridas em cachorro

Açúcar é um dos produtos mais utilizados durante cicatrização de feridas devido às propriedades curativas. Uma de suas qualidades é promover a expulsão do tecido morto e promover a regeneração celular, assim como a criação de tecido granular para preencher a ferida aberta.

Ajuda, também, a secar as feridas já que absorve o excesso de umidade. Reduz o edema ou impede o surgimento do mesmo. Por fim, atua como poderoso bactericida e possui propriedade antisséptica, impedindo o desenvolvimento da infecção ou eliminando os microrganismos causadores. 

A eficácia do açúcar é tão grande que pode ser usado em lesões mais graves e profundas, como úlceras, e em casos de infecção. Porém, vale ressaltar que nesses casos é imprescindível o atendimento médico. O uso desse produto só após a aprovação do veterinário. 

  • Pasta de açúcar

Para prepara essa mistura, aqueça 100 ml de água e retire do fogo quando atingir a fervura. Acrescente 250 g de açúcar e misture bem para dissolvê-lo. Deixe esfriar e aplique na ferida após limpar e desinfetar. Enfaixe o ferimento com gaze e, após 10-12 horas, troque o curativo. 

Evite conservar essa mistura por mais de um dia. Como é preparado com alimento, existe a chance de estragar ou atrair insetos. O mais adequado é preparar novamente sempre que for utilizar. 

  • Polvilhar o açúcar

Quando a ferida for simples e superficial, você pode polvilhar o açúcar diretamente na região afetada. É possível utilizar na versão em pó ou granulado. Para isso, desinfete o machucado e polvilhe o produto por cima até cobri-lo completamente. Feche com gaze e atadura, fazendo uma leve pressão para garantir que o remédio faça efeito.

Leia também: Você conhece as doenças de pele em cães que são mais comuns?

Deixe o remédio agir por apenas algumas horas, sem exercer 12 horas. Repita todo o processo quando for preparar um novo curativo. 

Aloe vera

Confira algumas opções de remédio caseiros para tratar feridas em cachorro
reprodução shutterstock
Confira algumas opções de remédio caseiros para tratar feridas em cachorro

A aloe vera é uma das plantas mais utilizadas na criação de medicamentos para ferimentos e com fins terapêuticos. A capacidade de cura está em um de seus ingredientes, chamado acemanann. Esse mucopolissacarídeo tem propriedades anti-inflamatórias, calmantes e estimulantes na proliferação de células, o que acelera a cicatrização e regeneração do tecido. 

Além disso, o aloe vera acalma a coceira, alivia a dor e previne possíveis infecções. Também possui propriedades antifúngicas, o que é ótimo quando o machucado é causado por fungos. 

Para utilizar os benefícios dessa planta, recolha algumas folhas de aloe vera que estiverem próximo da terra, pois são mais velhas e com maiores propriedades curativas. Faça um corte na vertical para extrair a polpa. Caso esteja muito espessa, mistura com um poucod de água. 

Aplique essa pasta na ferida após ser limpa e desinfetada. Finalize cobrindo com uma gaze e bandagem. Torque o curativo seguindo as instruções do especialista e deixe a ferida respirar antes de repetir os passos. 

Mel

Confira algumas opções de remédio caseiros para tratar feridas em cachorro
reprodução shutterstock
Confira algumas opções de remédio caseiros para tratar feridas em cachorro

As propriedades do mel se assemelham as do açúcar: bactericida, calmante e antisséptico. Também regenera o tecido granular e do epitélio, promovendo e acelerando o processo de cura. Pode ser usado para tratar feridas leves, infectadas, queimaduras, úlceras e lesões mais profundas que não sejam muito grandes. 

Leia também: Seu pet se machucou? Confira as dicas de primeiros socorros

Para utilizar as propriedades desse produto, limpe e desinfete a ferida primeiro. Depois, aplique uma camada de mel puro. É importante escolher um de qualidade para garantir bons resultados, como mel de manuka. Por último cubra a lesão com gaze e ataduras. Deixe o remédio agir durante as horas estipuladas pelo veterinário.

Troque o curativo removendo a bandagem e deixando a ferida pegando um ar. Repita todo o processo para colocar uma nova gaze. Dependendo do tipo de ferimento, a bandagem pode ser trocada uma vez ao dia. Verifique com o veterinário a frequência de troca. 

Folhas de couve

Confira algumas opções de remédio caseiros para tratar feridas em cachorro
reprodução shutterstock
Confira algumas opções de remédio caseiros para tratar feridas em cachorro

Assim como os produtos anteriores, as folhas de couve são ótimas para cicatrizar ferimentos devido a grande quantidade de vitamina A. É também uma fonte de vitaminas do complexo B e C, além de atuar como vermífugo. 

Para utilizar as propriedades desse alimento, é necessário preparar um emplasto. Portanto, amasse algumas folhas de couve até liberar um sumo esverdeado. Ponha essa pasta em um plástico filme e envolva a região afetada depois de ser limpar e esterilizada, de forma que as folhas esmagadas fiquem sobre o ferimento.

Enrole novamente com mais plástico para manter o emplasto firme no local. Por último, coloque faixa e esparadrapo para proteger o curativo. Limpe a região todos os dias e repita a aplicação o processo na frequência determinada pelo veterinário. 

Leia também: Aprenda a montar um kit primeiros socorros para seu pet

Vale ressaltar que as medidas informadas acima são apenas para primeiros socorros  ou medicamentos com recomendação veterinária. Sempre procure um especialista o mais rápido possível, sobretudo quando há fer idas em cachorro muito profundas, em carne viva, infectadas ou com muito tecido morto.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas