Tamanho do texto

Para evitar nós e machucados, o pente precisa ser escolhido de acordo com o pelo do animal

Muitas pessoas dedicam horas do dia para escovar os cabelos e cuidar dos pelos corporais. Além da estética, isso ajuda na higiene e até mesmo diminui a chance de doenças e infestações de parasitas. Por que com o seu cachorro deveria ser diferente?

Leia mais:  Como escovar pelo de gato e deixá-lo mais brilhoso e saudável

Não escovar os pelos do animal pode causar uma série de problemas, desde nós até mesmo feridas na pele do animal. Isso também diminui a queda de pelos e evita reações alérgicas em muitas pessoas. Mas é preciso tomar alguns cuidados para que a escovação seja efetiva e não incomode ou machuque o pet. 

A importância da escovação

É normal que os animais soltem muitos pelos, a escovação deve ser realizada para retirar esse excesso e evitar que se espalhe pela casa. Muitos pelos soltos e acumulados, além de servir como um abrigo perfeito para parasitas, podem causar nós que puxam e machucam a pele do animal. A questão da higiene sempre está presente, o excesso de pelos embolados e sujos podem até mesmo causar uma infecção no pet.

Outra vantagem da escovação é o laço que ela cria entre os donos e animais, que veem isso como um carinho e apreciam a atenção.

É importante escovar os pelos do cão para evitar doenças, machucados e parasitas.
Reprodução/ Shutterstock
É importante escovar os pelos do cão para evitar doenças, machucados e parasitas.


Conheça a pelagem do animal

Conhecer a pelagem do seu pet é importante para saber como ela vai se comportar e qual tipo de escova usar. Quando o pet tem uma raça definida é mais fácil identificar o tipo de pelo. Raças originárias de regiões mais frias, por exemplo, costumam ter pelo duplo e grosso - portanto, não enrola com tanta facilidade. Já algumas raças de companhia, como o Maltês, possuem o pelo longo, simples e delicado; sendo assim mais suscetível a formação de nós.

Quando se trata de cães sem raça definida a identificação se torna um pouco mais difícil. Você poderá ter uma ideia do pelo do animal observando o seu tamanho, espessura e sentindo o toque enquanto passa a mão.

Compre a escova correta

A escova que será usada no animal precisa ser de acordo com as necessidades do pelo dele. Existem seis tipos tradicionais:

A rasqueadeira é um tipo de escova que pode ser usada para escovar todos os tipos de pelo.
Reprodução/ Pinterest
A rasqueadeira é um tipo de escova que pode ser usada para escovar todos os tipos de pelo.














Rasqueadeira: Indicada para todos os tipos de cachorros, a rasqueadeira remove bolas de pelo e distribui a oleosidade por igual. Rasqueadeiras de borracha são indicadas para cães de pelo curto e de aço para aqueles com a pelagem mais longa.

Rasqueadeira de sub pelo: Por ter suas garras "menores", as rasqueadeiras de sub pelo são ideais para cães com muito pelo e que se soltam facilmente.

Escova de pino:  Use essa escova com cães de pelagem média e dura.

Pente: Um simples pente é o ideal para animais com alergias ou pele sensível.

Luva rasqueadeira: Essa é, literalmente, uma luva usada pelos donos e que faz a escovação em um movimento similar ao de carinho. Deve ser utilizada apenas em animais de pelos curtos para não causar nós.

Veja também:  A escova para cachorro deve ser específica para cada tipo de pelo

Como escovar o pelo do cão?

Se o animal acabou de tomar banho, seque-o e depois penteie. Lembre-se de não usar produtos para humanos durante o momento da higiene, eles possuem  pH diferente .  Comece pelo rosto e cabeça do animal, essa região não é muito peluda e seca mais rápido. Dê uma atenção especial para a parte de trás das orelhas, nós costumam se formar nessas áreas.

Quanto a forma de manusear o pente é a mesma se o animal acabou de tomar banho ou não, ela é semelhante a de como se usa um pincel. Primeiro penteie todo o pelo na direção do crescimento e depois no sentido contrário. Os nós que se formam atrás das orelhas também podem se formar no rabo, pernas e axilas do animal.  Para desfazê-los, comece a escovação na ponta dos pelos e, gradativamente, vá se aproximando da pele. A ponta de um pente fino também pode ser usada para eliminar os nós.

Escovando o pelo de filhotes

Quando se trata de filhotes, a maneira de escovar os pelos tem algumas diferenças. As primeiras experiências do pet podem ser aterrorizantes e esse  momento pode causar medo e irritabilidade no animal. O melhor modo de realizar a escovação nesse caso é colocando o animal no colo.

Para isso, comece ganhando a confiança do cãozinho, fazendo carinho em sua barriga e dando petiscos. Quando o bichinho estiver a vontade com você, o envolva com delicadeza na região do pescoço e das patas traseiras e o aproxime do seu corpo.

Durante a escovação procure agradar o animal, fazendo carinho, elogios e dando petiscos. 

Leia mais:  Você sabia que seu pet também precisa escovar os dentes? Entenda mais

Cachorros de pelos longos devem ser escovados pelo menos três vezes na semana, já aqueles com o pelo curto apenas uma vez.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.