Tamanho do texto

Mantendo a rotina e a água em boas condições o peixe pode ficar bem

Ao ter um peixe uma das principais dúvidas é referente aos cuidados e aos custos de manter esse animalzinho em casa. Além disso, o aquário ocupa um certo espaço na casa e é necessário paciência para limpá-lo diariamente.

+Como cuidar de um aquário de água doce

O peixinho dourado é um dos peixes de água doce mais presentes em aquários
Reprodução
O peixinho dourado é um dos peixes de água doce mais presentes em aquários

Outra questão complicada diz respeito às férias e viagens, nas quais o peixe  de água doce geralmente não é incluído. Como mantê-lo em boas condições mesmo se o dono estiver ausente? Algumas dicas ajudam a controlar a água, a comida e o ambiente em que o animal vive para não correr risco de vida durante esse meio tempo. 

Quando o peixe precisa de uma "babá"?

Na verdade tudo depende do tempo que o tutor ficará ausente. Se for apenas alguns dias, como um fim de semana ou feriado, basta deixar comida suficiente para o peixe se alimentar.

No caso de mais tempo, como uma semana ou mais, é indicado pedir para um vizinho, familiar ou alguém de confiança apenas dar uma passadinha rápida na casa para checar o peixe. Se necessário a pessoa dá comida e troca a água do aquário (mas esse último suporta até uns três dias sem ser limpo).

Mas as condições acima são apenas para peixes saudáveis. Se o seu precisa de cuidados extras e está com algum problema de saúde, o melhor é ter alguém para olhá-lo todos os dias. Há cuidadores próprios para cães e gatos que também cuidam de peixes. Você pode ligar para algum lugar que faça esse tipo de serviço, chamado de "pet sitter". 

+Como evitar e tratar as doenças de peixe

via GIPHY


Cuidados fundamentais

Temperatura do aquário

A temperatura do ambiente onde o peixe vive deve estar sempre equilibrada e controlada por um aparelho eletrônico. O ideal é ficar entre 24ºC e 26º C. O excesso de calor no aquário provoca falta de oxigênio e a degredação do meio. 

Filtro

O filtro é uma das partes mais importantes do aquário; é responsável por bombear e oxigenar a água, além de manter bactérias capazes de eliminar impurezas, deixando a água límpida. É importante ter certeza do funcionamento eficaz desse objeto; do contrário a água fica turva e a vida do animal pode estar em risco. 

Comida

O peixe deve ter comida suficiente para o tempo que o tutor estiver ausente. Se ele ficar sob supervisão de outra pessoa, deixe anotado a quantidade a ser dada ou, ainda melhor, separe em potinhos o tanto a ser dado por dia. Dessa forma não tem como errar e o animal não é alimentado em excesso.

Além disso, existe um mecanismo eletrônico com temporizador que faz essa função, mas é mais indicado para uma comunidade com vários peixes. O problema é só se um deles for mais guloso e comer a maior parte da comida sozinho. O aparelho é um tanto caro, mas vale a pena para pessoas que deixam o animal com frequência

Rotina

Assim como nós, o peixe tem uma rotina e se acostuma com fatores como: nível de luminosidade e horário de comer. Pode parecer bobo, mas se você fechar todas as cortinas e janelas da casa e deixá-lo no escuro, ele com certeza vai estranhar. Procure manter pelo menos uma frestinha de luz entrando no ambiente onde o animal fica e se possível fale para a pessoa alimentá-lo sempre no mesmo horário. 

+Quer ter um aquário marinho em casa? Saiba como cuidar

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.