Tamanho do texto

Alternativa está sendo vista pela Associação Britânica de Veterinários como melhor do que as opções "premium" feitas de carne

A alimentação do animal de estimação tem se tornado cada vez mais uma preocupação para os donos. Por isso uma ração à base de insetos pode causar um certo estranhamento. Mas, na Ingleterra o produto começou a ser vendido no início deste ano e já está sendo recomendado por veterinários. 

Leia também: Veterinários dizem como economizar na ração do cachorro de forma segura

inseto seco e triturado arrow-options
Shuttersock
Para a produção da ração à base de insetos, os insetos são desidratados e triturados

A British Veterinary Association (BVA), ou Associação Britância de Veterinários em tradução livre para o português, já afirmou que a ração à base de insetos é melhor para o pet do que a "premium" feita com carne. Além disso, pesquisas revelaram que os donos gostam da ideia e estão dispostos a oferecer a nova opção para seus animais. As informações são do portal Mirror. 

Para os donos que se preocupam com a causa ambiental , a ração de insetos tem um atrativo a mais. Apesar de não ser vegana, a opção traz um impacto bem menor para o meio ambiente, já que não faz uso de fertilizantes, pesticidas e solta muito menos gases durante a produção. Sem contar que não está ligada ao abate de vacas, galinhas ou porcos.

Leia também: Saiba como deve ser a dieta do cachorro com problemas cardíacos

animais comendo arrow-options
Shuttersock
Os britânicos estão dispostos a mudar a alimentação de seus pets para a ração à base de insetos

Uma empresa produtora de insetos na Inglaterra, a Protix, revelou que usa apenas 2% da terra e 4% de água por Kg a menos do que a produção de ração feitas com carne. Sabendo que os pets consomem 20% da carne produzida no mundo, a diferença é bastante significativa. 

A ração à base de insetos para pets promete ter um teor alto de proteína e nutrientes, não saindo atrás das outras opções como carne, cordeiro e frango. No Brasil já existem empresas produtoras de insetos, mas eles são destinados à granjas de aves e parecem estar bem longe do mercado de animais de estimação.