Tamanho do texto

A princípio morder é divertido e engraçado, mas com o tempo começa a machucar e o hábito se torna incômodo

Os filhotes tem a capacidade de derreter o coração de qualquer pessoa. São fofos, brincalhões, companheiros, fiéis e... Mordem! Essa é uma mania bem comum entre cães jovens e, a princípio, você dá risada e permite e brincadeira. Mas, seus dentinhos afiados uma hora começam a machucar e o hábito se torna incômodo. E é assim que os donos passam a se questionar: como fazer o filhote parar de morder?

Leia também: Cão comendo parede: por que o animal tem esse comportamento e como solucioná-lo?

Apesar de ser mais comum entre os jovens, cães adultos que não foram educados também podem ter esse hábito. Para evitar que isso se prolongue ao longo dos anos é importante cortar desde o início. Então, entenda o motivo dessa mania surgir e confira dicas para fazer o filhote parar de morder .

Por que os filhotes têm a mania de morder?

Mordera é uma mania bem comum entre cães jovens e, a princípio, você dá risada e permite e brincadeira. Mas, seus dentinhos afiados uma hora começarão a machucar
reprodução shutterstock
Mordera é uma mania bem comum entre cães jovens e, a princípio, você dá risada e permite e brincadeira. Mas, seus dentinhos afiados uma hora começarão a machucar

Quando um bebê está com os dentes nascendo é comum morder tudo que vê pela frente. Isso acontece porque o surgimento da dentição incomoda e provoca dor, então morder é uma forma de aliviar. Com os filhotes é a mesma coisa. A diferença é que os cães já conseguem andar nessa época, tendo mais locais para morder. 

Apesar do nascimento dos dentes ser a causa principal, existem outros motivos que levam os filhote a morder e um deles é o tedio. Cachorros que gastam energia, não têm com o que brincar ao longo do dia e vivem entediados acham divertido morder. Destroçar algo com a boca é uma forma de ser distraírem. 

A ansiedade também está entre as razões para o hábito nascer. Um animal que passa muito tempo sozinho em casa pode desenvolver transtornos de ansiedade e morder é uma forma de canalizar isso. Além disso, de quebra já chama a atenção do dono. Dar mordidinhas na mão é um jeito eficaz de atrair o tutor e forçá-lo a brincar.

Leia também: Com qual frequência é preciso limpar os dentes do cachorro?

Por último, pode ser uma forma de explorar o entorno. Pense que o filhote acabou de chegar ao mundo e tudo ao seu redor é novo. Diferente de nós, eles não podem apalpar, tocar ou agarrar com as mãos, então fazem isso com a boca. Essa é a única maneira que os cães têm para conhecer o exterior. 

Como fazer o filhote parar de morder?

Existem vários motivos que fazem os filhotes morderem, como dentição nascendo, tédio, ansiedade, etc
Reprodução Pinterest
Existem vários motivos que fazem os filhotes morderem, como dentição nascendo, tédio, ansiedade, etc

1. Direcione sua atenção para outra coisa

Para muitos filhotes, morder é uma forma de chamar atenção. Por isso vão atrás das mãos e dos pés para te provocar e induzir a brincadeira. Quando isso acontecer, tente direcionar sua atenção para outros tipos de diversão. Jogue uma bolinha, ofereça um brinquedo, vá até o quintal, etc. O importante é oferecer algo tão legal quanto à mordida. 

O ideal é você chamá-lo para brincar antes que ele te procure, assim você evita ser mordido e vai cortando a mania. Com o tempo ele irá se esquecer dessa brincadeira dolorida.

2. Ignore como forma de punição

Ignorar é sempre a melhor forma de punição, pois o filhote entenderá que a mordida não tem efeito. Gritar, dar bronca e olhar feito nunca funciona. Na verdade, na maioria das vezes gera o efeito contrário, pois você está reagindo à ação dele.

Então, quando as mordidas começarem, desvie o olhar, não fale com ele e se puder nem reaja. Se ele insistir, se levante e vá fazer outra coisa. Fique uns dez minutos o ignorando e só dê atenção depois. Repita esse processo toda vez que ele começar a morder.

3. Compre mordedores adequados

Para aliviar a vontade de morder, compre brinquedos feitos para isso. Ossos, cordas e até bonecos são exemplos de mordedores para cães. É importante deixar a peça a vista e oferecer toda vez que resolver brincar. Se o animal não gostar muito do brinquedo, compre outro até que se apegue. 

Leia também: Mordida de cachorro: todos os cuidados que precisam ser tomados

Outra opção é oferecer alimentos crocantes para matar a vontade. Em pet shops vendem petiscos com essa função, mas há também alternativas mais saudáveis. Cenoura, maçã, pepino japonês, coco verde, abobrinha, pera e ossinhos são ótimos alimentos para que ele se mantenha saudável e entretido.

4. Aumente a carga de exercícios

Como alguns cães mordem por causa de ansiedade ou tédio, aumentar a carga de exercícios costuma resolver o problema. Então, leve-o para passear todos os dias e brinque regularmente para gastar a energia acumulada. Ao final do dia, ele só pensará em descansar e não em morder. 

Fazer o filhote parar de morder não é fácil, mas com persistência, calma e paciência é possível
reprodução shutterstock
Fazer o filhote parar de morder não é fácil, mas com persistência, calma e paciência é possível

5. Não provoque mordidas a toa

Às vezes, durante uma brincadeira, irritamos o animal até ele ficar bravo, grunhir e tentar morder. Apesar de ser divertido, essa atitude só irá aumentar a vontade de atacar você ou outros objetos. Evite esse tipo de coisa, principalmente durante o adestramento.

6. Não faça da mordida uma chantagem

Os cães são muito espertos, por isso, quando querem algo e não damos, eles mordiscam a pele para conseguirem o que desejam. Se você ceder à chantagem, ele vai aprender que deve agir dessa forma para conseguir as coisas. 

Para evitar isso, espere o cachorro se acalmar, parar de mordiscar e, após alguns minutos, dê o que ele deseja. Com o tempo irá entender que sua forma de chantagem não funciona e deixará esse costume de lado.

Leia também: Aprenda a fazer pasta de dente para cachorro com itens caseiros

Para que o adestramento funcione você deve ser consistentes nos ensinamentos. Não adianta você achar legal e fofo as mordidinhas e logo depois ficar bravo pelo mesmo comportamento. Isso só deixará o animal confuso e o adestramento não funcionará. Fazer o filhote parar de morder não é fácil, mas com persistência, calma e paciência é possível.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.