Darla Ester Farina, que vive em São Paulo, publicou um vídeo em seu Facebook nesta quarta-feira (1), onde confessou ter matado seu cão Duque. A mulher explica que enforcou o cachorro e isso teria sido um "sacrifício" pelo mau comportamento dele. "Estava me dando muito prejuízo", disse. 

De acordo com Darla, o filhote brigava com o outro animal da família, fazia xixi no seu colchão e mordia várias coisas pela casa. Comportamentos típicos de cães novinhos. "Ele fazia xixi no colchão, e colchão é caro."

Leia mais: Filhotes de cachorro abandonados em sacola são resgatados pela Polícia Militar

Além disso, a mulher também fala no vídeo que optou pelo enforcamento pois não tinha veneno na casa. "Se eu fosse uma psicopata eu teria passado a faca no pecoço do cachorro, teria comido o cachorro, mas eu o enforquei, porque não tem veneno aqui em casa."

Mulher segurando cão filhote
Reprodução/ Facebook
Darla afirma ter enforcado o cão porque estava dando muito prejuízo

Apesar do ato ser considerado maus-tratos, Darla acredita que era o certo a se fazer. "Se isso é crime, eu vou na delegacia e pago pelo que eu fiz", disse em conversa com vizinhos que repudiaram sua atitude. Tobi, seu outro cachorro, foi levado por um dos moradores do bairro e agora a mulher exige o cão de volta. "Eu posso ter cachorro, o problema não é o cachorro, era o Duque, ele não era um bom cachorro."

Leia mais: Empresa brasileira disponibiliza testes de Covid-19 para pets

Nas redes sociais, a atitude da mulher vem sendo repudiada, com comentários do tipo "Vai se tratar!", "Você é um monstro", entre outros. Luisa Mell compartilhou o vídeo de Darla dizendo que nunca escutou tanta barbaridade e que pode resgatar o outro cachorro que está com os vizinhos. "Eu assumo o cachorro! Eu assumo o processo! Processa a mim sua psicopata! Assassina!", escreveu a ativista. 




    Leia tudo sobre: facebook

    Veja Também

      Mostrar mais