Um husky siberiano que vive na cidade de Kaliningrad, na Rússia, tem remetido muitas pessoas ao filme "Sempre ao Seu Lado", que conta a de Hachiko , um akita que viva no Japão e ia até a estação de trem buscar o dono na volta do trabalho todos os dias. É que o cão , que ficou conhecido como "o cachorro da blusa azul", espera a dona na porta de seu trabalho todos os dias. 

cachorro deitado no cão da rua
Reprodução klops/ Alexander Podgorchuk
A história do 'Hachiko russo' foi contada pelo site russo Klops; na foto, o cachorro espera pela dona perto do trabalho dela

Leia também: Dona usa pelo de cão para fazer "obra de arte"; veja fotos

A presença do animal começou a chamar a atenção das pessoas que passavam pelo centro comercial onde Svetlana, sua dona, trabalha. Muitas começaram a achar estranho um cão, aparentemente bem cuidado e vestindo um suéter azul, ficar nas ruas por tanto tempo. Devido a quantidade de suposições, como ele estar abandonado, a dona começou a espalhar cartazes pelo local para explicar a situação. 

"Esse cachorro não está abandonado, ele está esperando sua dona sair do trabalho. Ele não está com frio ou fome, essa é a rotina diária dele, é o que ele gosta de fazer. O olhar dele está triste por que eu não estou por perto e ele sente a minha falta. Mesmo se eu deixá-lo sem coleira ele estará no mesmo lugar me esperando no final do dia", diziam os bilhetes. 

dona beijando cachorro
Reprodução Instagram
Svetlana e seu 'cachorro da blusa azul'

Svetlana se empenhou em usar os bilhetes responder às perguntas que normalmente eram feitas para ela quando se tratava do cachorro. Ela ainda acrescentou que passava os 40 minutos de almoço junto com o cachorro e que, durante o dia, arranjava um tempo para passear cerca de 10 minutos com ele. 

Leia também: Filhote de cachorro que vive em abrigo sorri para todo mundo que fala com ele

A ligação do husky com Svetlana vem desde quando ele era filhote. A família dela adotou o pai do "cachorro da blusa azul" de um abrigo. Quando ele teve filhote acabaram vendendo a ninhada, mas os novos donos não quiseram o "Hachiko russo" por causa da bagunça que ele fazia, então ela a acolheu novamente e nunca mais o deixou partir. 

    Veja Também

      Mostrar mais