Os animais de estimação podem ser ótimos companheiros para os donos, mas também mostram tal fidelidade entre si. Foi o que aconteceu quando a gatinha Abigail, de apenas um ano de idade, viu seu amigo ser atropelado e se recusou a sair do dele. Os dois foram encontratados por uma mulher que passava em uma rua perto de casa, em Londres, na Inglaterra - o motorista que causou o acidente não prestou socorro. 

Gato branco e preto deitado em perna arrow-options
Reprodução/ Mayhew Animal Home
Abigail se recusou a sair de perto de amigo mesmo em seus momentos finais

Leia também: Garotinho abandona seu cão em abrigo e deixa carta emocionante

Ao avistar a cena, a mulher se aproximou e percebeu que o gato acabou morrendo devido a machucados extensos. Mesmo assim, a gatinha, que posteriormente foi nomeada de Abigail, se recusava a sair do lado do amigo. Sem saber o que fazer, ela ligou para o abrigo Animal Welfare Officer pedindo por ajuda. 

Tania Mazzoni atendeu a ligação e decidiu ir até o local. Diante da situação, a voluntária decidiu levar os dois animais para o abrigo. Mais calma, a gatinha foi examinada e nenhum machucado ou doença encontrado. Como ela não tinha microchip e ninguém foi procurá-la, ela ganhou um espaço, comida e conforto no Animal WelFare. 


Leia também: Atitude de cachorro ao dividir cobertor com irmã comove internautas

Após a história ser contada nas redes sociais, Abigail ganhou um novo lar. Apesar do trauma que sofreu, o dono garante que a gatinha está se adaptando muito bem a sua nova vida.    



    Veja Também

      Mostrar mais