Tamanho do texto

O profissional se recusou fazer a eutanásia, pois os cachorros eram saudáveis e não havia necessidade de matá-los

Quando um casal de donos se separa surge a famosa dúvida: quem ficará com os cães? Hoje em dia é possível entrar na justiça para determinar o responsável pelos cuidados ou fazer um acordo de guarda compartilhada . Apesar disso, um tutor de Indiana, nos Estados Unidos, preferiu sacrificar seus peludos a entrar num acordo com a ex-parceira.

Leia também: Guarda compartilhada de animais é possível em caso de separação de casal?

Os cães Sam e Cosmo foram levados ao consultório de um veterinário em Portage, onde o dono pediu que os animais fossem sacrificados após alegar que não poderia ficar com eles. Essa prática é conhecida como " eutanásia por conveniência ", que é quando os bichos são mortos por razões evitáveis, por exemplo, separação e mudança de residência.

Os cães Sam e Cosmo quase foram sacrificados, pois seus donos se divorciaram e ninguém queria ficar com eles
Reprodução Instagram
Os cães Sam e Cosmo quase foram sacrificados, pois seus donos se divorciaram e ninguém queria ficar com eles

Contudo, o veterinário recusou o pedido, pois os cachorros eram saudáveis e não havia necessidade de matá-los. Ele, então, entrou em contato com a ONG Begin Again Rescue Company, em Valparaíso, para receber os bichinhos.

Leia também: Cachorro tenta desesperadamente voltar para carro do dono após ser abandonado

Assim que chegaram ao local, Sam e Cosmos estavam visivelmente tristes, conta Penny Emerson, presidente da instituição. Foi preciso preparar uma refeição especial para que conseguissem comer. Aos poucos foram se adaptando e acostumando com a nova casa. 

"O dono se divorciou e foi morar com a nova namorada, que alegou ser alérgica a cachorros", disse Penny sobre o caso a um site local. “Aparentemente houve uma mudança em seus planos de vida, e os pets não faziam mais parte".

Leia também: Norte-americana adota boi e o trata como um membro da família

Apesar do destino de Sam e Cosmo, eles tiveram um final feliz. Ambos foram adotados por um casal assim que a história virou notícia. Eric e Tiffany Dybas, em Illinois, são os responsáveis por dar amor e carinhos aos cães

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.