Tamanho do texto

O beneficio remunerado de três dias é oferecido pelo Grupo Musti, empresa de alimentação animal nórdica

Pais e mães lutam fortemente por uma licença-parental igualitária, afinal, já foi o tempo em que apenas as mulheres cuidavam dos filhos. Enquanto em alguns lugares essa política ainda é um objetivo, uma empresa nórdica revolucionou ao oferecer o benefício para os funcionários que recentemente adotaram um animal de estimação.

Leia também: Novo aplicativo ajuda a encontrar animais desaparecidos

A licença-parental de três dias foi implantada pelo CEO David Rönnberg do Grupo Musti, empresa de alimentação animal localizada na Suécia, Finlândia e Noruega, no dia 1º de junho. "Animais de estimação vêm em primeiro lugar em tudo o que fazemos e é por isso que a 'licença-PETernidade' é um passo natural no desenvolvimento da nossa cultura", disse em  comunicado.

A licença-parental  oferece ao funcionário três dias em casa remunerado
reprodução shutterstock
A licença-parental oferece ao funcionário três dias em casa remunerado

David explica que adotar um pet é uma decisão significativa e que muda consideravelmente a vida cotidiana. "Nós queremos apoiar nossos funcionários nos primeiros dias com seu novo membro na família e garantir que eles aproveitem esses momentos preciosos", explica. Dos 1,5 mil empregados do Grupo Musti, 90% deles tem pets.

Leia também: Estudante cria site para reduzir o número de devoluções de cães adotados

Dependendo das necessidades de cada bichinho, Rönnberg disse que os primeiros dias podem ser os mais intensos. Assim como os pais de bebês passam noites sem dormir no começo, o mesmo acontece com novos donos. Humanos e pets precisam de constante atenção e amor durante essa fase da vida.  

Além de agradar os empregados, a licença trouxe muitos benefícios a empresa
reprodução shutterstock
Além de agradar os empregados, a licença trouxe muitos benefícios a empresa

Segundo o CEO, "prestar atenção nas necessidades do animal e passar tempo com ele contribui para o aprendizado, constrói confiança e ajuda a prevenir distúrbios comportamentais no futuro".

Leia também: Hamburgueria pet friendly tem opções de porções, cerveja e vinho para animais

A nova política além de agradar os funcionários, também trouxe vantagens para a empresa. Henri Mäkinen, diretor de marketing do Grupo Musti, garantiu que a licença-parental  ajudou as pessoas a equilibrarem a vida entre trabalho e casa, além de proporcionar o bem-estar para a família. A companhia desafia as outras a fazerem o mesmo pelos seus empregados.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.