Tamanho do texto

As aves eram utilizadas comercialmente na produção de ovos, até serem adotadas pela escola inglesa Reasheath College

O inverno deste ano está sendo rigoroso e tem deixado as temperaturas de muitos países do hemisfério norte bem baixas. Mas, não são apenas os humanos que sofrem com o frio, os animais também sentem suas consequências.  Nos Estados Unidos, por exemplo, muitos cães foram encontrados machucados e até congelados devido a neve. Sabendo do perigo, alunos de uma faculdade britânica que possui algumas galinhas no pátio, decidiram que precisavam proteger as aves de alguma forma.  

As galinhas da faculdade ganharam roupinhas para se protegerem do frio
Reprodução Facebook/ SWNS
As galinhas da faculdade ganharam roupinhas para se protegerem do frio

 +  Cachorro de serviço vê seu brinquedo favorito ganhar vida e tem reação incrível

As galinhas da Reasheath College, faculdade localizada na cidade de Nantwich, em Cheshire, na Inglaterra, ganharam então roupinhas para ajudá-las a manter a temperatura corporal e não sentir muito frio. Isso foi essencial para garantir o bem-estar das aves, já que antes de chegarem à instituição de ensino, elas eram utilizadas comercialmente na produção de ovos e nunca haviam circulado ao ar livre, não tendo um sistema imunológico bem desenvolvido. 

As roupinhas tricotadas sob medida permitem que os animais aproveitem a natureza durante o dia. Na parte da noite eles são levados para um local fechado, quentinho e seguro. 

+ Burro ajuda rebanho a fugir e é preciso reforços para capturá-los

As galinhas estão sendo muito bem tratadas e adorando a mudança de vida
Reprodução Facebook/ SWNS
As galinhas estão sendo muito bem tratadas e adorando a mudança de vida

 +  Cansada de ter seus presentes recusados pelo dono, gata inova e surpreende

"As galinhas se adaptaram muito rápido e passaram a mostrar comportamentos naturais como pousar e arranhar o chão, esperamos que continuem a viver felizes conosco", disse Lauren Lane, uma das responsáveis pela produção de roupinhas para as aves, ao site de notícias britânico Metro. Ela se referia a mudança de vida que os animais sofreram com a adoção e a mudança da fábrica de ovos para a faculdade. Sobre o mesmo assunto, a responsável pela comunicação da fábrica, Francesca Taffs, disse: "Estamos muito satisfeitos de ver o quão bem elas estão sendo tratadas, parece que estão sendo completamente mimadas. Esse é o tipo de vida que queremos para todos os nosso animais aposentados".  

    Leia tudo sobre: notícias
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.