Tamanho do texto

Agora chamada de Lili, a cadelinha aparenta ter no máximo um ano de vida e é muito dócil

O fim do ano está chegando e com ele vêm as férias. O momento costuma ser de bastante alegria e confraternização, mas para muitos bichinhos de estimação o sentimento é oposto. Isso porque o abandono de animais aumenta cerca de 30% entre os meses de novembro e fevereiro. Ao que tudo indica, uma cadelinha que acaba de ser resgatada é mais uma que entra para o triste índice.

+ Cachorro jogado na estrada perde movimento das patas traseiras e ganha novo lar

Lili foi resgatada e está procurando por um novo lar
Reprodução Facebook
Lili foi resgatada e está procurando por um novo lar

Lili, como a cadela resgatada está sendo chamada pelas suas salvadoras, as irmãs Marisa e Cecília Ligieri,  estava em perto de uma avenida movimentada, deitada em cima de uma caixa de papelão. "Ela estava deitadinha em um papelão com os olhos cheios de lágrimas. Qaundo eu parei o carro ela veio como se estivesse esperando o dono", escreveu Marisa em sua página do Facebook. 

+ Cão galgo permanece junto ao corpo do dono falecido por um mês até ser resgatado

De tamanho médio, corpo branco e rosto com manchas das cores preto, caramelo e branco, a vira-lata é muito dócil e gosta de receber carinho, apesar de ainda dar sinais de que está amedrontada. "Quando eu chego perto dela, ela vem toda feliz receber carinho e aí se meu filho aparece ela fica parada do meu lado, ela adora. A mesma coisa acontece se ela está com ele e eu chego. Acredito que esse é um comportamento resultante de maus tratos. Mas em nenhum momento ela tentou avançar ou rosnou, ela é um amor", disse Cecília que, por já ter cinco cães em casa não pode ficar com Lili. Marisa também já possui seis animais e está com o apartamento lotado. 

 + Cachorra chorando é encontrada em canil e ganha nova família

Para que Lili ganhe um novo lar bastante amoroso, ela será vacinada e castrada. O caso desta cadelinha resgatada é mais uma triste história, provavelmente resultado da irresponsabilidade de pegar um animal de estimação para cuidar sem ter certeza de que poderá dar toda a atenção necessária. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.