Tamanho do texto

O pequeno animal era oferecido a turistas que desejavam tirar foto

Mais uma vez os animais foram vítimas de maus tratos humanos. São vários casos em que eles acabam sofrendo por causa da crueldado do homem e, infelizmente, a vítima da vez foi um filhote de Chow Chow.

Mais:  Filhote de Chiahuahua abandonado em aeroporto comove a internet

Um homem, ainda sem nome, estava pelas ruas de Sochi, na Rússia, com um filhote de panda. Ele usava o animal para atrair turistas e o "alugava" para que os interessados tirassem foto. Porém, mal sabiam eles que esse filhote não era um panda, mas sim um  Chow Chow.

Filhote de Chow Chow sofre maus tratos ao seu pintado de preto e branco
Reprodução Redes Sociais
Filhote de Chow Chow sofre maus tratos ao seu pintado de preto e branco


Ao perceberem que esse homem estava andando com um animal selvagem pelas ruas e oferecendo uma chance de tirar uma foto com ele, os moradores locais chamaram a polícia. Assim que chegaram ao local, ficou confirmado para todos que, na verdade, era um cachorro que teve seu pelo pintado de preto e branco pelo dono. Testemunhas que estavam por perto afirmaram que o animal não tinha mais de 30 centímetros e o homem obrigava ele a ficar na rua em um calor de 40°. 

Esse homem, que fugiu, só foi encontrado tempos depois na vila de Monastir, próximo à cidade se Sochi. Ele é acusado de maus tratos, pois, além do que fez com o Chow Chow, também transformou um cachorro em filhote de leão e possui um pássaro que aluga para fotos. As autoridades que investigam o caso disseram que essas acusações podem render 10 anos de prisão. 

Saiba mais:  Donos tem solução criativa para gato que estava comendo demais







Veja também:  As fotos desse lagarto ganharam o Instagram e os nossos corações

Procuradores na Rússia vão continuar investigando mais a fundo sobre o caso para que seja confirmado que ele obteve animais selvagens ilegalmente e cometeu maus tratos. Esperamos que o filhote de Chow Chow esteja receba um tratamento adequado e sendo cuidado por pessoas melhores. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.