Tamanho do texto

Seu cachorro já teve gripe? Veja a nova vacina para evitar a doença

Cientistas da "University of Rochester School of Medicine and Dentistry", nos EUA, desenvolveram pela primeira vez duas novas vacinas para cachorros que previnem a gripe. A pesquisa é importante não apenas para melhorar a saúde dos cães, mas para mantê-los protegidos.

Leia mais:  Vira-lata é recusado por Pet Shop e dono faz relato em rede social

Vacina para cachorros contra gripe é criada pela primeira vez.
Reprodução/ Shutterstock
Vacina para cachorros contra gripe é criada pela primeira vez.




Atualmente, os veterinários utilizam vacinas para cachorros que incluem vírus da gripe que estejam inativos ou mortos, mas alguns estudiosos dizem que isso gera uma proteção a curto prazo apenas. Isso acontece porque cachorros que já foram infectados por variados vírus da doença têm o potencial de ficarem resistentes à ele, podendo inclusive contaminar humanos. Mesmo que ainda não tenha acontecido, estudiosos dizem ser possível.

Sabendo disso, cientistas liderados pelo professor Luis Martinez-Sobrido, associado do departamento de Microbiologia e Imunologia, criaram duas vacinas mais "leves" contra o vírus canino H3N8 influenza, que garantem uma resposta imunológica mais rápida e por um período maior de proteção dos cães quando comparada com as utilizadas comercialmente.

Leia mais:  Aprenda a usar os antibióticos para gatos da maneira certa

A ideia é ser uma vacina que faça efeito no nariz, já que o focinho é o primeiro lugar por onde o vírus entra. A prevenção não pode agir no pulmão porque poderia gerar uma inflamação. 

Vacina para cachorros contra gripe é criada pela primeira vez por cientistas.
Reprodução/ Redes Sociais
Vacina para cachorros contra gripe é criada pela primeira vez por cientistas.



O grupo planeja testar as duas vacinas em cachorros e a esperança é de que elas impeçam a dispersão da gripe em abrigos e em canis, além de evitar a transmissão para os humanos. Como os donos costumam estar em contato regular com os bichinhos, Martines-Sobrido acredita que o melhor é prevenir os cães de pegar a gripe.

Leia também:  Tosse dos canis: transmissão, sintomas e tratamento da doença

É possível previnir de outra forma?

Não permitir que seu cachorro compartilhe água, comida e brinquedos é uma das maneiras alternativas de prevenir a gripe, já que a doença é passada de cão para cão. Manter contato com os outros donos para saber se existe algum animal doente também é importante e qualquer sinal de surto é importante mudar o local de passeio.

Qualquer mudança ou sintomas diferentes, não deixe de levar seu cão no veterinário ou de considerar a vacina para cachorros que ajuda e muito. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.