Tamanho do texto

Alimentos são oferecidos aos cães nos dias mais quentes como forma de refresco, mas é preciso ter alguns cuidados

No verão muitos donos gostam de oferecer alimetos refrescantes para seus cães , mas é preciso tomar cuidado para que a prática não afete a saúde deles. A água de coco, por exemplo, possui muitos nutrientes como vitamina C, potássio, antioxidantes, entre outros, e pode ser oferecida para o animal, porém em quantidades pequenas. O mesmo acontece com a polpa da fruta. 

Bruna Morales, veterinária especialista em nutrição, explica que tudo em excesso desbalanceia a dieta do animal. "A dosagem deve ser pequena e ofericida apenas para cães completamente saudáveis", acrescenta. Assim, se o animal está com diarreia ou tem algum problema de saúde, como a diabetes , a água de coco não é indicada. 

cachorro ao lado de coco arrow-options
Shuttersock
Cachorro pode beber água de coco em pouca quantidade

Para oferecer ao cão, coloque a água de coco natural em um recipiente próprio para ele. A polpa pode ser oferecida em pedaços pequenos, como se fosse petiscos. 

Além da água de coco, outro alimento que costuma ser oferecido como forma de refresco é o picolé. Porém, normalmente, os que são comprados na rua possuem açúcar, leite, corante e outros ingredientes que não fazem bem para o cachorro. Mas é possível produzir opções saudáveis em casa. "Está liberado colocar a água de coco para congelar na forminha de picolé sem palito e oferecer para o pet. Também pode fazer sorvete de iogurte natural sem açúcar com frutas batidas, eles amam e o iogurte tem ação probiótica", indica Bruna. 

Vale lembrar que sempre que algo sair da dieta prescrita anteriormente para o cachorro é importante consultar o veterinário de confiança.  Além dos alimentos gelados, há outras formas eficientes de refrescar o cachorro no calor . Manter o ambiente arejado com a ajuda de um ventilador, incentivar brincadeiras com água e disponibilizar tapete e ossos gelados são algumas delas.