Tamanho do texto

A comida dos gatos não é apropriada para os cães, e muitos motivos podem estar por trás da ação além da "gula" do pet

Cachorros  sempre são muito gulosos e adoram experimentar qualquer coisa que seus donos ou outras pessoas estiverem comendo. Se tiver outro pet na casa, então, eles podem desenvolver interesse pela comida do outro.

Porém, a ração de gato não é um dos alimentos mais recomendados para seu cão comer. Além de ser mais cara do que a dos cachorros, ela também tem falta de certos componentes que precisam estar na alimentação canina.  

cachorro e gato comendo juntos
shutterstock
Não é correto que o cachorro coma ração de gato


Mas por que os cães têm tanto interesse na ração dos bichanos?

  • A comida dos  gatos têm mais gordura e proteínas, além do aromatizante ser mais forte. Por isso ela chama mais atenção dos cachorros .
  • Não se sentem saciados. Algumas raças, como a dos Labradores , tem tendência a desenvolver obsessão por comida. Desta forma, eles não se sentem “cheios” quando comem sua própria ração, e procuram a do felino para se garantir.
  • Mau comportamento. Cães podem ser muito sentimentais, e às vezes, quando seu tutor não dá atenção suficiente, isso reflete nas ações do pet. Assim, eles buscam “provocar” e chamar a atenção do dono roubando a ração do gato.

Estes são alguns dos motivos pelos quais o cão pode estar interessado pela comida do gato. Se esse hábito for recorrente, vale leva-lo ao veterinário.

Como evitar que o cachorro coma ração de gato

  1. Deixar o comedouro do bichano em um lugar elevado. Uma mesa fora do alcance do cão é o ideal para que o felino tenha sua ração intacta. Deixar os potes longe um do outro, caso não tenha onde coloca-los de forma elevada, também é uma opção.
  2. Adestrar o cão. Praticar a obediência do cachorro também é uma ótima forma de evitar que ele coma o que não é dele, seja ração de  gato ou outras coisas. Deixe claro qual é o comedor dele e repreenda-o toda vez que ele estiver procurando a comida do gato.