Tamanho do texto

Casinha, quintal, cobertores, potinhos de comida; saiba como limpar tudo isso e ajudar na saúde do seu pet

Muitas vezes cometemos grandes erros quando o assunto são nossos pets. Temos a impressão de que é possível utilizar qualquer produto "humano" nos animaizinhos, mas isso não deveria acontecer. O cuidado na utilização de objetos, fragrâncias e substâncias deve ser tomado em muitos momentos, inclusive na hora da higiene.

+ 5 curiosidades sobre coelhos que você nunca  nem imaginou

Quando escolhemos entre os diversos tipos de casinha ou objetos, é importante levar em consideração o momento da limpeza, já que muitos pets criam apego às suas coisas e a lavagem precisa ser rápida, para que eles não fiquem muito tempo sem o brinquedo ou o ambiente de conforto. Portanto, confira dicas que irão te ajudar na hora da higiene da caminha e dos utensílios dos pets.

1.    Os produtos

É preciso olhar a embalagem e conferir as substâncias presentes nos produtos para higiene
reprodução shutterstock
É preciso olhar a embalagem e conferir as substâncias presentes nos produtos para higiene


Ao selecionar os produtos para a hora da limpeza da casinha, do local em que o pet dorme, roupinhas ou até de objetos que ele costuma utilizar,  é preciso verificar se eles possuem as seguintes substâncias:

  • Amônia sulfúrico;
  • clorídrico e oxálico;
  • óxido de cálcio;
  • peróxido de sódio;
  • silicato de sódio;
  • trietanolamina.

Isso porque são substâncias fortes e os animais lambem, deitam, cheiram e têm contato direto com esses itens, portanto, o ideal é não utilizá-los. Não só na hora de higienizar o local onde eles dormem, mas também ao escolher produtos para limpar a casa, é importante lembrar que os cachorros, por exemplo, possuem um olfato mais apurado e que cheiros muito fortes podem fazê-los ficarem doentes.

Na dúvida, uma boa dica é perguntar para um veterinário de confiança qual o melhor produto, assim ele levará em conta o seu animal, bem como sua condição financeira na hora de indicar. Ou até mesmo, no caso das casinhas, entrar em contato com o fabricante e perguntar qual tipo de produto é o mais adequado para a higienização.

2.    Conscientização

Os pets precisam de produtos específicos para eles
reprodução shutterstock
Os pets precisam de produtos específicos para eles


Um aspecto é muito importante: precisamos nos acostumar que mesmo que os pets aparentem ser muito maduros e tranquilos, não podemos lidar com eles como se fossem humanos. Eles são animais e carecem de cuidados específicos para animais.

Em comportamento, manutenção, higiene e qualquer coisa relacionada à sua rotina, cada pet possui tratamentos e utensílios específicos, que são criados com recursos antipulgas, anticarrapatos, ou prevenindo o pet de coisas que ele não poderá entrar em contato. Estes produtos, mesmo que sejam um pouco mais caros ou difíceis de encontrar, protegem o animal e não oferecem riscos à saúde.

+ Fotogênicos? Confira 3 dicas infalíveis para tirar fotos de cachorros

3.    E se eu não tiver produtos específicos, como faço?

É possível utilizar produtos domésticos na hora da higiene no pet
reprodução shutterstock
É possível utilizar produtos domésticos na hora da higiene no pet


Ao escolher produtos que você já possui em casa é indicado sempre optar pelos neutros, como detergentes líquidos neutros ou sabão de coco. Uma ferramenta muito legal para tirar a sujeira superficial, e por vezes até a mais profunda, é o aspirador de pó. 

De qualquer forma, é importante complementar o uso de produtos domésticos com alguns comprados em pet shops, como os que previnem carrapatos e pulgas.

4.    De quanto em quanto tempo preciso lavar os utensílios dos pets?

É muito importante manter a higiene regular dos utensílios dos pets
reprodução shutterstock
É muito importante manter a higiene regular dos utensílios dos pets


A higiene com produtos químicos deve ser feita pelo menos uma vez ao mês. Mas também há opções que complementam a limpeza mensal. Por exemplo:

  1. Paninhos: qualquer tipo de tecido como panos, forros ou cobertores, devem ser lavados semanalmente e, de preferência, com sabão neutro e água quente;
  2. Potes de comidinhas: devem ser lavados diariamente e, é claro, com uma esponjinha só para isso - deixe-a separadinha para essa finalidade- também com detergente neutro ou sabão de coco. Neste utensílio é preciso uma atenção mais que especial na hora do enxágue, bem como na hora de secar. Só devolva o potinho ao seu animal quando estiver bem sequinho;
  3. Quintal: também é possível utilizar água e detergente neutro.

Em todos estes o ideal é consultar um veterinário e inserir algum tipo de veneno antipulga, já que a casinha ou caminha é também um local quente e úmido de fácil proliferação de bactérias.

+ Prepare seu cão para o importante momento da chegada de um bebê

O cuidado com a higiene do animal é, além de uma forma de mantê-lo limpinho, um grande aliado de sua saúde. Aproveite essas dicas e deixe não só o seu cãozinho, mas todos os utensílios dele bem limpinhos!


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.