Tamanho do texto

Morar em apartamento não é empecilho para ter um pet, só é preciso escolher o ideal

Está cada vez mais comum pessoas escolherem apartamento para morar. Existem vários motivos que induzem essa escolha, como segurança, conforto, preço, facilidade em cuidar da casa, entre outros. Até então ter um apê só têm vantagens, porém, a situação complica para quem deseja ter um bichinho. Existem muitos tipos de animais, mas será que é recomendado ter um?

Veja mais:  Chinchila: características e principais cuidados para criar em casa

Primeiramente, apartamento não é um empecilho para adquirir um pet, só é preciso analisar sua situação para saber qual bicho escolher. Veja se o condomínio ou edifício permite animais, atente-se ao tamanho da casa, confira se é permitdo passear com o ele pelos arredores, observe quanto tempo você passa dentro de casa e se os vizinhos não irão se incomodar. Só depois de verificar todos esse pontos que começará a procurar o pet mais indicado dentre os  tipos de animais para estimação.

Na maioria das vezes, o espaço extremamente racionalizado de um apartamento não permite a criação de um animal de grande porte, como um Golden Retriever ou Pastor Alemão. Por isso, a melhor opção são os de pequeno porte. Mas não precisa ser necessariamente um cachorro ou gato. Existe outros pet, que também são apropriados para estimação, e podem ser criados em apê. Pensando nisso, confira uma lista abaixo dos tipos de animais mais indicados para viver em apartamento. 

1. Chinchilas

via GIPHY

As chinchilas são indicadas para pessoas com estilo de vida mais tranquilo. Elas são dóceis, vivem dentro de um ambiente controlado (gaiola) e não fazem muita sujeira. Sua aparência fofa - uma mistura de rato com coelho - costuma atrair bastante pessoas. São fáceis de cuidar, não precisam da sua atenção direto e não fazem barulho. Quanto mais calmo o ambiente for, mais esse pet irá gostar. A desvantagem da chinchila é que elas podem, às vezes, serem difíceis de socializar, sendo mais introvertidas. 

2. Furão

via GIPHY

Os furões também vivem em gaiolas. Mas, como são muito enérgicos, precisam sair da gaiola para brincar pelo menos uma vez ao dia. Eles adoram entrar em buracos, frestas, armários, etc. Você não conseguirá esconder nada desse bichinho. Por isso, atenção redobrada à fiação elétrica e a locais que podem machucá-los. Fora isso, são carinhosos, simpáticos e amigáveis. No entanto, talvez a maior desvantagem de ter um furão seja o custo. Não é um animal típico do país, então é bem caro manter um. 

Mais:  Saiba quais cuidados que se deve ter com um hamster

3. Hamster

via GIPHY

Os hamster são bastante comuns entre as pessoas. Esse roedor é fácil de manter, pois vive dentro de uma gaiola, é silencioso e quase não faz sujeira. São animais bem inteligentes, divertidos e fofos. Quanto mais interação, mais dóceis e carinhosos eles ficarão com seus donos. Brinquedos são essenciais na vida de um hamster, afinal são muito ativos e precisam gastar energia. Caso deseja soltá-lo da gaiola, tenha muito cuidado. É fácil perdê-lo dentro da casa.

4. Peixes

via GIPHY

Os peixes não são animais interativos e por isso atraem poucas pessoas. No entanto, ter um grande aquário é um belo item de decoração em seu apartamento. Quem deseja relaxar na companhia de animais, os peixes são a melhor indicação. Os custos iniciais são altos - caso deseje ter um aquário grande e com diversos peixes -, mas depois é só ir mantendo limpo e alimentar os bichinhos. Não tem nada mais lindo do que observar esses animais. 

5. Pássaros

via GIPHY

Dentre as espécies de pássaros, existem as que são mais interativas e as reservadas, basta escolher a ideal para você. Ter uma ave é muito vantajoso: ocupa pouco espaço, vive dentro de um ambiente controlado, sua sujeira é pouca e fácil de limpar e alegra a casa com sua bela cantoria. Só é preciso ficar atento se a espécie é autorizada pelo IBAMA e se está comprando em criadoros legalizados.  

Veja também:  Saiba como ajudar seu pássaro a se adaptar ao novo lar

6. Porquinho-da-Índia

via GIPHY

O porquinho-da-Índia são muito dóceis, carinhosos e fáceis de cuidar. Adaptam-se bem a vida em apartamento, dão pouco custo e vivem dentro de uma gaiola. Pode desenvolver laços fortes com os donos e fazer um som chiado pequeno de vez em quando. Inteligentes, os animais podem ser treinados a usar caixa de areia, assim como um gato. As crianças irão se apaixonar por eles.

7. Cães

via GIPHY

Cachorros são animais mais clássicos e escolha da maioria das pessoas. Caso você deseje ter o bom e velho cão, opte por um de porte pequeno. Boas alternativas são: Poodle, Yorkshire, Schnauzer, Pinscher, Pug e Buldogue francês. Lembre-se que esses pets são mais dependentes, precisando de donos que passem bastante tempo em casa e, mesmo pequenos, são ativos. Vai ser preciso brincar em casa com eles ou levá-los para passear.

8. Gatos

via GIPHY

Dentre os pets clássicos, os gatos são os mais indicados para apartamentos. Eles são dóceis e independentes, não precisando de atenção constante do dono. Passam boa parte do dia dormindo, perfeito para quem trabalha fora. Além disso, são calmos e tranquilos, exigindo pouco espaço para gastar energia. Os gatos são naturalmente limpos, usam caixa de areia para as necessidades e tem custo baixo para manter.

Leia mais:  Por quanto tempo podemos deixar o cachorro sozinho?

Outros animais

Os pets acima são só opções dentre os diversos tipos de animais. Existem outras possibilidades, como tartarugas e coelhos ou então os exóticos, para pessoas mais excêntricas, como lagartos, cobras e insetos. Independente da escolha do pet, tenha certeza de que ele seja adequado para morar em apartamento, se terá condições de criá-lo e que dará muito amor e carinho. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.