Tamanho do texto

Alguns legumes bem cozidos ou triturados podem melhorar a saúde do animal, além de ser uma ótima opção adicional à ração

Quem tem cachorro em casa sabe que eles não se satisfazem com a ração seca do dia a dia, sempre estão pedindo algo de diferente, saboroso. Daí, por exemplo, vem a ação de oferecê-los petiscos quando queremos ensinar algo ou apenas agradá-los. Mas, além desses snacks, existem outros alimentos que podem surtir um efeito muito bom, inclusive quando o assunto é a saúde do bichinho. 

+ 10 erros comuns na alimentação dos pets

via GIPHY

Essas opções consistem em alimentos que nós humanos consumimos e que, se feitos da maneira correta, podem ser oferecidos para os cães sem preocupação. Claro, a quantidade deve ser bem controlada, afinal, nada em excesso é bom.

Confira alguns itens que podem entrar para a lista do supermercado no próximo mês e agradar até o mascote da casa:

Banana

A fruta compete com a cenoura na preferência dos caninos. Rica em potássio é uma ótima fonte de energia e possuem fibras prebióticas que ajudam na digestão e no sistema de defesa do organismo. 

via GIPHY

Não se deixe influenciar pela alegria de seu cãozinho, o máximo por dia é uma. O ideal é não dar todos os dias, deixe um intervalo entre os agrados. 

Abóbora

Rica em diversas vitaminas, proteínas, potássio, carboidratos, magnésio, fósforo, a abóbora pode ser oferecida sem preocupação desde que esteja sem casca e cozida próxima do ponto de purê. Ofereça em cubinhos ou tirinhas. 

Brócolis

Brócolis é um dos alimentos indicados para cães
Reprodução
Brócolis é um dos alimentos indicados para cães

É difícil encontrar alguém que não goste de brócolis e com os bichinhos de estimação não é diferente. O melhor de tudo é que o legumes é super indicado, principalmente para os idosos ou os que lutam para perder peso. Isso porque as propriedades (cálcio, zinco, ferro, vitaminas B1, B2, B6, C e A) ajudam no controle da pressão arterial e trazem uma sensação de saciamento. 

Batata

Geralmente a batata é indicada para os cachorros que estão começando uma alimentação apenas com alimentos saudáveis. Por possuir bastante carboidrato, sua quantidade deve ser bastante limitada. Mas outras propriedades como vitaminas do complexo B e C são muito valiosas e ajudam na manutenção dos músculos, ossos e dentes. 

+  10 alimentos proibidos para os gatos

Cenoura

A cenoura é um dos alimentos que ajuda na mastigação de na saúde dos dentes do cão
Reprodução
A cenoura é um dos alimentos que ajuda na mastigação de na saúde dos dentes do cão

Dentro dos itens desta lista pode ser considerada a queridinha, já que a maioria dos cães amam. Além de ser rica em vitamina A ainda possi vitamina C, K, complexo B, potássio e betacaroteno. Ajudando no equilíbrio do organismo do animal, limpando os dentes e melhorando a mastigação. 

Para oferecê-lo, retire a casca e cozinhe bem sem adicionar sal ou qualquer outro tempero. 

Chuchu

Seu cão está acima do peso e você não sabe mais o que fazer? A solução é simples, elimine todos os tipos de snacks e petiscos que oferece para ele e substitua por chuchu. Rico em fibras e diversas vitaminas, o legumes faz o papel de agradar o cão e melhorar sua digestão. 

+ Biscoitos para cães podem fazer parte da dieta de seu amigo

Inhame

Pela grande quantidade de fibras e baixa de gordura também é uma ótima opção pros cães em dieta. Para cozinhá-lo basta tirar a casca e esperar amolecer bem. A forma como ele será servido vai da preferência do dono e do animal. 

Maçã

via GIPHY

Um fator que conquista os cães é a crocãncia da maçã. É preciso ter muito cuidado na hora de servir, jamais deixe o cabo e as sementes. O indicado é que ela chegue até o animal com casca e em cubinhos. Dessa forma só haverá benefícios como imunidade alta e glicemia regulada. 

Pêra

A forma de servir a pêra é a mesma da maçã, retire o cabo e a semente e corte um cubinhos com casca. A fruta é rica em B1, B2, C, A e niacina o que fortalece o sistema imunológico e o intestino. 

+ Dar cafeína ao pet é o mesmo que oferecer veneno

Manga

A manga serve para basicamente manter o seu animal jovem por mais tempo, ou seja, ela previne um envelhecimento precoce e ajuda a manter os tecidos conjuntivos. Tudo isso graças ao elemento carotenoides que possui ação antioxidante. Sirva a fruta sem casca e sem caroço. 

Esses alimentos alternativos podem ser uma ótima forma de substituir petiscos industrializados e continuar agradando o seu cachorro. Jamais se esqueça de não acrescentar temperos no momento do preparo ou de retirar as sementes das frutas. Antes de tomar qualquer decisão em relação a dieta de seu animal de estimação, procure pela opinião de um veterinário de confiança. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.