Tamanho do texto

Muitos tutores consideram o café um tipo de petisco, mas é nocivo à saúde do animal

É muito comum tutores oferecerem alimentos com cafeína aos pets, como o próprio café. Mas o que pouca gente sabe é que essa substância não pode ser considerada um 'petisco', já que é como um veneno para os animais. Como determinadas comidinhas deixam o cão mais alegre, as pessoas acham que estão agrandando o pet, quando na verdade é ao contrário.

+Intoxicação em gatos não ocorre apenas por meio de venenos

Dar cafeína ao pet é o mesmo que oferecer veneno
Reprodução/ Redes Sociais
Dar cafeína ao pet é o mesmo que oferecer veneno

É importante saber, então, os motivos que tornam a cafeína um elemento danoso aos pets. 

Mas por quê o café faz mal?

Essa bebida, assim como o chocolate, não é bem digerido pelo organismo canino, apesar de nosso corpo funcionar de forma eficiente nessa parte. O café em excesso não é indicado nem para humanos e pode provocar reações perigosas no corpo do pet. Isso é explicado pelo aumento dos batimentos cardíacos e pela sensação de euforia que toma conta dos cães - causados pela bebida.

O cão pode ter convulsão, o que não é raro de acontecer, e pode, inclusive, vir a falecer devido ao coração acelerado demais. Assim como o chocolate para os humanos, tudo depende da quantidade e frequência de café que você dá ao cão, mas o ideal é que isso nunca aconteça. Afinal, para que arriscar a vida do pet, não é?

Outro problema sério, mas que para muitos é banal, é que geralmente os donos dão o finzinho do café que eles estavam tomando ao pet. Na maioria das vezes, essa bebida contém açúcar ou adoçante, que também são prejudiciais à saúde do animal.

Dar cafeína ao pet é o mesmo que oferecer veneno
Reprodução/ Redes Sociais
Dar cafeína ao pet é o mesmo que oferecer veneno

E não podemos esquecer que isso vale para o chá, outro líquido que também contém a cafeína e que normalmente é adoçado.

+Gato pode comer ou não comida de cachorro?

O problema é acostumar o pet

Vários tutores vão oferecendo pequenas porções de café para o cão e de repente o animal está tomando diariamente. Depois disso, o pet passa a ficar viciado e não quer mais deixar de incomodar os humanos durante as refeições. Afinal, ele quer a porção de café diária dele.

Essa regra vale não só para essa bebida em si, mas para qualquer alimento que contenha a cafeína. Portanto, se isso costuma acontecer é melhor parar. Até porque a força de vontade deve vir do tutor.

Se o bichinho se recusar a comer, continue resistindo e mantenha-se firme no foco de ele comer a própria ração em vez de ceder às vontades do pet. 

Dar cafeína ao pet é o mesmo que oferecer veneno
Reprodução/ Redes Sociais
Dar cafeína ao pet é o mesmo que oferecer veneno

+Descubra o que você deve fazer se seu cachorro não come ração

Como tratar o cão com sinais de envenenamento por cafeína 

Pois é, os cães podem acabar envenenados por essa sustância. Podem chegar a morrer, inclusive, como dito acima. Então, se acontecer do pet passar mal depois de tomar café ou outro alimento com cafeína, vá direto ao veterinário.

Provavelmente, um profissional capacitado vai induzir o vômito no seu cãozinho para expelir o mais rápido possível a substância. Também, dependendo do caso, pode ser necessário o uso de medicamentos para controlar a frequência cardíaca e pressão do  pet.

+Petiscos naturais ajudam a educar e cuidar da saúde do cão ao mesmo tempo

Então, já sabe, hein? Nada de oferecer cafeína ou café ao seu pet!

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.