Tamanho do texto

Saiba como diferenciar um cão branquinho de um albino

Na hora de adotar um cão, muitos tutores optam por um branquinho. Mas será que a pessoa saberia identificar se é um cachorro albino? Ao perceberem que o pet sofre de albinismo vários donos abandonam ou maltratam o pet. Não é raro encontrar cães nessa condição esperando uma nova família. 

+Como cuidar de um cachorro surdo?

Um cachorro albino precisa de cuidados especiais
Reprodução/ Pinterest
Um cachorro albino precisa de cuidados especiais

Esse preconceito deve ser combatido e os pets cada vez mais acolhidos. Afinal, eles merecem tanto carinho quanto os outros e, inclusive, cuidados especiais. Primeiro é importante entender o que torna o  cachorro albino  e quais as diferenças em sua saúde e aparência.

O albinismo afeta não só animais, como humanos também. Isso nada mais é do que a falta de melanina no corpo, um hormônio responsável pela pigmentação da pele, olhos e cabelo (pelo, no caso dos pets). Assim, essas partes do corpo ficam brancas e não mudam de cor de jeito nenhum.

Os olhos tornam-se vermelhos e a palidez toma conta do cão. A melanina fornece coloração, mas também proteção contra os raios UVA. Por isso, um cachorro assim precisa de cuidados especiais.

+Vai adotar um cachorro deficiente? Confira cuidados necessários

Um cachorro albino precisa de cuidados especiais
Reprodução/ Pinterest
Um cachorro albino precisa de cuidados especiais


Como identificar um cachorro albino?

A visão do cachorro é prejudicada pelo albinismo. Isso porque a retina não é muito desenvolvida e a íris não contém pigmentação. Assim, passa muito mais luz pelo olho do que o normal.  

O animal tem, então, aversão à luz - ou fotofobia. É interessante viver em locais sem excesso de luminosidade, principalmente do sol. Além de prejudicar sua visão, a pele do cão fica ainda mais sensível do que é. 

Outro fator determinante para identificar um cachorro albino é o estrabismo e o nistagmo. O primeiro problema deixa os olhos cruzados e o segundo provoca movimentos involuntários nos olhos, que se mexem de forma rápida. 

Se o cão apresenta olhos sem o risco preto na linha d'água, são claros, assim como o focinho, é provável que tenha albinismo. Ainda que o nariz seja preto e contenha apenas algumas manchas mais rosadas, é importante levar o pet ao veterinário para ter certeza e manter os cuidados especiais. Pode ser tão sensível quanto um albino, mesmo não o sendo totalmente.

Além disso, um cão nessas condições apresenta problemas de pele e extrema sensibilidade aos pelos brancos. Está mais propenso à irradiação solar, assim como a queimaduras e câncer. Portanto, é necessário o uso de protetor solar e mantê-lo sempre em ambientes sem excesso de luz.

Um cachorro albino precisa de cuidados especiais
Reprodução Redes Sociais
Um cachorro albino precisa de cuidados especiais

+Um cachorro tremendo pode sinalizar um problema de saúde mais sério

Cuidados importantes

Com relação à dificuldade de enxergar, é essencial o tutor não mudar os móveis de lugar ou deixar objetos espalhados pela casa. Pode atrapalhar o pet e complicar ainda mais seus movimentos. São basicamente os mesmos cuidados necessários ao cão cego

Um cachorro que não vê muito bem torna-se desconfiado e mais reservado, justamente por não ter segurança de onde está pisando, por exemplo. O tutor deve sempre passar segurança ao bichinho, para ser mais independente e confiar também em visitas e pessoas novas.

A pele precisa também de uma atenção especial, principalmente na hora de passear. Pouca gente sabe, mas já existe protetor solar para proteger os cães dos raios UVA, que mais prejudicam o pet albino.

É comum o cão desenvolver alergias. Alguns materiais, como o metal, pode afetar a saúde do cão. Certos exames e o próprio veterinário consegue auxiliar na identificação dessa parte.

+A escova para cachorro deve ser específica para cada tipo de pelo

Um cachorro albino precisa de cuidados especiais
Reprodução/ Shutterstock
Um cachorro albino precisa de cuidados especiais

Exige, ainda, um cuidado extra no banho, já que o shampoo deve ser próprio para pele sensível, ou seja, suave. Mas o ideal é consultar o veterinário para entender qual desses produtos é o mais indicado - inclusive que tipo de bloqueador solar usar.

Para estar exposto ao sol outra opção é colocar roupinhas leves e não tão quentes para o pet passear sem problemas. É uma forma confortável de garantir a proteção. 

Não existe um tratamento exato para o cachorro albino, mas esses cuidados já ajudam muito e garantem a qualidade de vida do pet.

+Seu filhote pode ter hipoglicemia e é importante saber o que fazer

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.