Todos ficaram decepcionados com a desistência da família
Reprodução/Facebook
Todos ficaram decepcionados com a desistência da família

Hendrix é um cachorro mestiço de staffordshire terrier que chegou há pouco menos de um ano a um abrigo para animais de Kentucky, nos Estados Unidos, após ser transferido de outro abrigo que já estava com problemas de lotação.

Na última terça-feira, 18, a equipe do abrigo preparou Hendrix, com direito a roupa nova, para que ele finalmente conhecesse os pretendentes a tutores, porém eles “deram bolo”. O encontro seria a última etapa do processo de adoção, do qual a família já havia preenchido todos os formulários e conversado com a equipe do abrigo.

“Esperamos mais de 30 minutos por eles e nunca recebemos uma ligação ou ouvimos falar deles”, disse Megan Decker, gerente de mídia da Kentucky Humane Society, ao The Dodo. “Hendrix estava todo vestido com seus arreios e estava sorrindo de orelha a orelha esperando que eles chegassem, apenas para que eles nunca chegassem. Partiu nossos corações”.

Hendrix tem 4 anos de idade e é amado por todos da equipe do abrigo. “Ele é mais parecido com um porco do que com um cachorro porque está sempre bufando”, disse Decker. “Ele tem um nariz muito curto, então ele apenas bufa e bufa. Ele sempre nos faz rir! Ele também ronca muito alto, e é muito divertido de ouvir”.

Leia Também

Megan conta que o animal ama brincar ao ar livre e depois descansa, adorando ser o centro das atenções. “Hendrix ama muito as pessoas e é muito fofinho e doce”, disse. “Ele conheceu crianças de apenas 5 anos, e ele simplesmente pula para uma massagem na barriga”.

Com um perfil tão dócil e divertido, os colaboradores do abrigo acreditam que há uma família certa para Hendrix em algum lugar, que o dará um lar feliz e enriquecedor, o que torna para eles muito doloroso ver as esperanças de Hendrix ser adotado esmagadas.

“Vê-lo esperar entusiasmado pela chegada de uma família, apenas para se decepcionar, é devastador”, escreveu a equipe do abrigo em um post no Facebook. “Não suportamos ver nosso doce menino triste”.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários