Morre cachorro de Barack Obama, Bo
Reprodução
Morre cachorro de Barack Obama, Bo


Neste sábado (8), o cachorro de água português Bo, que pertencia ao ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama , faleceu. No Twitter, Obama prestou uma homenagem ao companheiro que emocionou seus seguidores.


“Hoje nossa família perdeu um amigo verdadeiro e companheiro leal. Por mais de uma década, Bo foi uma constante e gentil presença em nossas vidas — feliz em nos ver nos dias bons, ruins e os que vêm entre esses”, escreveu o ex-presidente.


Você viu?

“Ele tolerava toda a bagunça que vinha junto de morar na Casa Branca, tinha um forte latido mas não latia. Adorava pular na piscina no verão, nem mesmo as crianças o perturbavam. Ele vivia pelos pedacinhos ao redor da mesa de jantar e tinha um cabelo ótimo”, continuou.

“Ele foi exatamente o que precisávamos e mais do que esperávamos. Sentiremos muita falta dele”, concluiu o presidente sobre Bo. O cão morreu aos 13 anos.


Bo chegou à família Obama quando tinha seis meses e foi um presente de Ted Kennedy, senador democrata. Ele foi comprado no Texas por uma família que o devolveu e, assim, foi adquirido por Kennedy.

Os cães d’água portugês é uma raça criada em Algarve, em Portugal , e se tornaram uma raça rara a partir do século 20. A raça é de porte médio e é conhecida por cães inteligentes, amantes de água , temperamentais, alegres e muito obedientes.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários