Alexandre Rossi explica as principais características dos gatos que devem ser conhecidas para a garantia de uma boa convivência

Olá, amigos do Canal do Pet, tudo bem?

Alexandre Rossi fala sobre o comportamento dos gatos
Reprodução
Alexandre Rossi fala sobre o comportamento dos gatos

Hoje é dia de falar deles, cada vez mais admirados nos lares do Brasil: os gatos.  O número de felinos domésticos vem aumentando ano a ano por aqui. A expectativa é que a quantidade de gatos como animais de estimação supere a de cães dentro de alguns anos. Muito disso pode ser explicado pelo comportamento dos gatos. 

Para aqueles que já convivem ou pretendem conviver com bichanos, é importante conhecer esse comportamento dos gatos e algumas características deles, para que não haja nenhum problema e a convivência na família seja sempre bastante harmônica.

Caçador nato e ágil escalador

Gatos, assim como todos os felinos, são excelentes caçadores, instinto que permanece de forma bem acentuada também nos domésticos. Por esse motivo, o gato caça tudo que se movimenta: mosquitinhos, aves, ratos. Trata-se de um comportamento natural e cabe ao dono providenciar que seu gatinho possa exercitar essa habilidade . Aqui, valem bolinhas, brinquedos que se movimentam e podem ser “perseguidos”, como o laser refletido na parede de casa. Ou seja, providenciar muitas atividades, que aguçam o instinto de caça, permitirá que ele faça exercícios e se divirta.

Outra característica é controlar o mundo do alto: trata-se de um dos maiores prazeres dos gatos. Assim, instalar prateleiras pelas paredes da casa, para que eles possam escalar e ter um refúgio, será garantia de bem-estar para o animal.

via GIPHY


Independência

Muitos desejam um gato como animal de estimação, por já terem ouvido falar que eles são independentes, ou seja, um animal que não necessitaria de muito cuidado, contato com a família ou outros animais. Mas, apesar de os felinos serem autossuficientes em vários aspectos, isso não significa que eles não precisem de cuidado , atenção e de interação com as pessoas da casa. Qualquer dono de gato sabe o quanto eles são capazes de demonstrar carinho e desejo de estar perto daqueles em quem confiam.

Diferentemente dos cães, em sua grande maioria sociáveis por natureza, gatos precisam confiar e não ter medo para, aí sim, passar a demonstrar afeto. São desconfiados, precisam ter o controle do ambiente e da situação, para somente então começarem a interagir com mais confiança.

Higiene

Essa é outra característica muito forte para o comportamento dos gatos e que conquista muitas pessoas: eles são animais extremamente limpos. E, o melhor: isso é natural deles. Gatos se limpam o tempo todo. Eles se lambem e a saliva retira os pelos mortos, poeira e sujeira. Sua língua áspera auxilia nessa tarefa.

Além disso, no quesito necessidades, não é preciso qualquer treino para utilizar um determinado local como “banheiro”: eles já nascem sabendo. Basta colocar uma caixa de areia (há vários tipos de substratos) e ele irá procurar naturalmente esse lugar para cavar, fazer as necessidades e enterrá-las.  

via GIPHY


Aproveite o bichano

Para quem está disposto a desfrutar da companhia de um animal incrível e enigmático, um gato pode ser a escolha certa. Conhecendo realmente o comportamento dos gatos é garantindo que a convivência será muito bacana. 

Um abraço a todos, 

Alexandre Rossi. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.