Tandie
RSPCA/Triangle News
Tandie em 2007 quando foi adotada

Uma cadela Spaniel que foi adotada em um abrigo de animais quando era apenas um filhote, voltou aos cuidados do mesmo abrigo 14 anos depois, após a morte de um dos tutores.

Tandie, como é chamada, voltou aos cuidados da filial da RSPCA na Cornualha (Inglaterra), com a morte de um dos donos a família não pôde cuidar dela e a devolveram para o abrigo.

“Ela foi adotada por nós quando era um filhote e teve uma vida maravilhosa com uma família incrível, mas, infelizmente, eles tiveram que tomar uma decisão de partir o coração para entregá-la a nós após uma morte na família”, disse um porta-voz do abrigo.

Os anos de Tandie avançaram e hoje ela está com uma visão limitada e completamente surda. "Ela também tem artrite, vários caroços e inchaços e uma doença de pele para a qual faz tratamento diário”, contou.

Por isso estão em busca de um novo lar adotivo para que ela possa passar seus últimos dias da maneira mais confortável possível. Os funcionários estão procurando uma casa tranquila e arrumada, onde ela possa se locomover com mais facilidade e não esbarre nas coisas.

“Ela adora pessoas, então fica mais feliz quando está perto de seus humanos favoritos. Ela precisa de um lar sem outros animais de estimação e com pessoas que estão por perto a maior parte do dia, bem como um jardim seguro”, disse.

Tandie
RSPCA/Triangle News
Tandie em 2021, após ser devolvida para o mesmo abrigo

Tandie chegou ao abrigo em 2007 com a mãe, uma vira-latas que estava com a mandíbula quebrada, e mais oito irmãos da mesma ninhada, todos eles foram adotados na época. Como cuidaram dela quando era apenas uma filhote, para a equipe do abrigo é importante estarem presentes agora que está no fim de sua vida.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários