Um cachorro enterrado vivo foi resgatado na semana passada no município de Balneário Rincão, sul de Santa Catarina. A vida dele foi salva graças a uma cadela que ficou cavando o local desesperadamente e chamou a atenção de um  voluntário da ONG OPA (Organização Protetora dos Animais). 

Leia também: Dona usa pelo de cão para fazer "obra de arte"; veja fotos

O homem que passava pelo local onde a crueldade foi feita, se aproximou da cadela e ouviu gemidos e que pareciam de um outro cachorro. Foi quando percebeu o que estava acontecendo. Logo, chamou uma moradora do local para ajudá-lo a retirar o animal do buraco. 

Um vídeo do resgate, feito pelos dois com as próprias mãos e a ajuda de uma enchada, foi compartilhado nas redes sociais. As imagens podem ser chocantes. 

Mila Duarte, presidente da ONG, acredita que o animal tenha ficado aproximadamente 24 horas enterrado, já que a terra estava dura ao redor dele. O cão preto de porte médio está sob os cuidados de veterinários. Um boletim de ocorrência deve ser registrado. 

    Veja Também

      Mostrar mais