A amizade entre cães e gatos é tida por muitos como conturbada, já que os animais costumam ter personalidades bastante distintas. Porém, o caso de Paxton e Polly é diferente. O labrador de 12 anos adotou a gatinha como se fosse sua filhote .

Leia também: Em vídeo hilário, cadela corre para ajudar filhote a pegar graveto gigante

cachorro e gato juntos arrow-options
Reprodução Instagram
Paxton e Polly se tornaram inseparáveis

Tudo começou quando Morgan McKenzie, a dona de Paxton, estava andando por sua propriedade em Delaware, nos Estados Unidos, quando ouviu pequenos miados e encontrou um filhote de gato. Achando que a mãe poderia estar por perto, Morgan deixou a gatinha lá. Ao voltar mais tarde, percebeu que o filhote havia permanecido sozinho no mesmo lugar e decidiu adotar ela.

A gata, que estava com aproximadamente dois dias de vida ganhou o nome Polly. Ao levar ela para casa, uma ligação inusitada aconteceu. Paxton se apaixonou por Polly instantaneamente. “Ele começou a limpá-la sempre e ela adorou porque não conhecia nada diferente”, contou Morgan ao portal The Dodo.

Leia também: Atitude de cachorro ao dividir cobertor com irmã comove internautas

No início, como Polly ainda não conseguia enxergar direito, seguia Paxton onde quer que ele fosse. Depois, já  com seus olhos bem desenvolvidos, o laço estava completamente formado e a gatinha não conseguia enxergar nenhuma diferença entre ela e Paxton.

Agora, Polly já tem 5 meses e Paxton quase 13 anos. O laço continua mais forte do que nunca. “Eles se adoram, ela está se tornando a irmã mais nova irritante que ama seguir ele para todo o lugar e pegar seus brinquedos”, finalizou Morgan. 

    Veja Também

      Mostrar mais