Tamanho do texto

O pet não entende que o barulho está saindo dele e acha que está sendo atacado; ele também não gosta que sua tutora arrote

O cão de Kayla Boyce, dos Estados Unidos, tem um medo um tanto quanto incomum: gases. O pet não gosta de quando alguém perto dele arrota ou solta um “pum”, inclusive ele mesmo se assusta quando solta esses gases.

Leia também: Emocionante! Cão leal permanece ao lado de dono até o último momento

O relato da tutora em um grupo do Facebook reuniu diversos internautas que têm um cachorro medroso que sofre do mesmo problema. “Ele está dormindo no chão agora porque antes, na cama, ele soltou um ‘pum’ e se assustou”, escreveu. “Sofro com a mesma coisa!”, escreveu um. “O meu solta o ‘pum’ e dá um pulo”, contou outro.

Cachorro medroso depois de fugir de seus gases arrow-options
Facebook/ Kayla Boyce
Cachorro medroso depois de fugir de seus gases


A norte-americana ainda desabafa sobre quando o pet dorme junto com ela, acorda no meio da noite correndo e pulando da cama porque se assustou com seus próprios gases. “Eu imagino o que se passa na cabeça dele nesse momento”, questiona Kayla. “Alguém tocou nas minhas partes baixas e um barulho estranho saiu, mas não tem ninguém atrás de mim”, finaliza a tutora fingindo que é o cão.