Tamanho do texto

O felino sempre teve uma vida saudável até não resistir a um acidente vascular cerebral

Perder um animal de estimação é um dos momentos mais tristes da vida. Para muitas famílias eles são como filhos e, apesar da morte ser algo certo, não diminui a dor que é perder um ente querido. Um casal no Reino Unido passou por essa situação há pouco tempo após ver seu felino falecer, mas ele não era um pet qualquer e sim o gato mais velho do mundo.

Mais:  Cão invade jogo de futebol e o que ele faz é inacreditável

Um felino vive em média 15 anos, mas Nutmeg sobreviveu bem mais que isso. Ele partiu aos 32 anos, no final de agosto, por causa de insuficiência cardíaca. Ele era considerado o  gato mais velho do mundo e agora sua família lamentar seu falecimento. 

Nutberg apareceu na vida de Liz e Ian Finlay em março de 1990. Antes de o adotarem, o casal já possuía um animal de estimação, o gato Spice. Esse felino sempre levava amigos para a casa e um deles acabou ganhando o carinho de Liz e Ian, sendo adicionado a família. Esse gato era Nutberg. Ele foi levado ao veterinário para checar a saúde e o profissional disse que tinha cerca de cinco anos. No entanto, no início dos anos 2000, Spice acabou morrendo. 

Com o passar dos anos, Nutberg começou a chamar atenção pela sua longevidade. Ele estava sendo cotado como um forte candidato a ser o gato mais velho do mundo. O felino sempre teve uma vida saudável, apenas passava por um tratamento no pescoço (uma infecção causou acumulação de pus), mas não era grave. 

Porém, em 2015, o gato sofreu um acidente vascular cerebral. A saúde foi piorando com o tempo até que ele não resistiu e faleceu. A situação partiu o coração de Liz e Ian. Eles não possuem filhos humanos, então Nutberg era considerado o verdadeiro filho.  

Veja também:  Pessoa acha carrinho de bebê abandonado e se surpreende com o que tem dentro

O grupo Westway Veterinary cuidou do felino quando sofreu o AVC. Eles publicaram em sua página do Facebook uma foto de Nutberg em seu aniversário de 31 anos e compadecem com sua morte.

Junto com a imagem postaram uma mensagem: "Depois de uma vida incrivelmente longa, Nutmeg, que tinha 32 anos, sofreu uma insuficiência cardíaca após ter chegado a nós com dificuldades respiratórias. As nossas gentis condolências para Liz e Ian". Confira a postagem.




Leia mais:  Cadela mantida em porão agora vive aventuras com o seu novo dono

Os internautas também lamentaram a morte do gato mais velho do mundo e postaram mensagens de força e carinho a Liz e Ian. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.