Tamanho do texto

Essa notícia é muito terrível!

É isso mesmo que você leu, a África do sul legalizou a venda de chifres de rinoceronte outra vez, tudo porquê John Hume, que é dono da maior fazenda de rinocerontes do mundo (com mais de 1000 rinocerontes que ele criou) processou o governo para fazer com que a moratória de 2009 sobre a venda de chifres mudasse - e ele ganhou.

Valendo mais que seu peso em ouro, chifres de rinoceronte são feitos de queratina, que é o mesmo material do qual nossas unhas são feitas, e grupos de crime organizado lucram com o tráfico ilegal passando as fronteiras da África do Sul até a Ásia, pois há uma superstição sem fundamento que diz que ele cura tudo, de ressacas a câncer.


+Já viu um gato com perucas? Conheça este que faz sucesso na internet

Hume diz que a única forma de manter seus rinocerontes de fazenda a salvo é vendendo seus chifres para protegê-los: "Para mim as pessoas que estão me impedindo de vender meus chifres e proteger meus rinocerontes devem estar envolvidas com os caçadores", ele disse.

A venda de chifres de rinoceronte é internacionalmente ilegal desde 1977, pois a alta demanda por chifres leva à caça e ameaça os animais de entrar em extinção. Agora que a moratória de venda de chifres mudou, as pessoas na África do Sul podem ganhar uma permissão para vender aquilo que tem aumentado a caça.


+Porco espinho é atropelada e raio-X mostra porque ela resistiu!

Em 2016, um número estimado de 1100 rinocerontes foram mortos na África do Sul, que é a casa de 70% da população mundial de rinocerontes. No ano anterior foi ainda pior: 1175 rinocerontes foram mortos na África do Sul por causa de seus chifres - uma média de três rinocerontes mortos por dia. Estima-se que somente 29500 rinocerontes ainda vivam no mundo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.