Tamanho do texto

Essa medida não permite mais que pessoas ajudem os animais de rua

Os maus tratos aos animais tenta o tempo todo ser combatido e, inclusive, muitas ONGs ajudam cães de rua que não recebem alimentação nem carinho. Mas, para provar que infelizmente não é sempre assim, um projeto de Lei bastante desumano, que inclui uma multa, foi aprovado por alguns vereadores do de Quaraí, no Rio Grande do Sul. 

+Veja as comidas comuns que podem matar seu cachorro

Multa proíbe ajudar cães de rua e permite o abate
Reprodução/ Redes Sociais
Multa proíbe ajudar cães de rua e permite o abate




Segundo o texto oficial, o sacrifício de animais de rua seria permitido quando estes representassem algum perigo para a população. Conforme o projeto, esses animais poderão ser abatidos “quando considerados possíveis transmissores de doenças”.. E isso não demandaria nenhuma autorização. Além disso, pessoas que alimentassem cachorros abandonados, por exemplo, receberiam uma multa.

O projeto dependeu da aprovação do prefeito Ricardo Gadret (PTB), mas foi barrado pelo Ministério Público, que considerou o texto ilegal e fora da legislação. O prefeito de Quaraí descordou e disse que o projeto foi mal interpretado, já que os animais seriam sacrificados só em casos extremos e com a permissão de um veterinário. Isso inclui “situação de grave dano à saúde humana” como “um cão com raiva, um animal com extrema agitação psicomotora, que está mordendo”.

+Pensa em adotar um cão? Confira as vantagens de ter uma fêmea

Multa proíbe ajudar cães de rua e permite o abate
Reprodução/ Redes Sociais
Multa proíbe ajudar cães de rua e permite o abate


Apesar desse posicionamento do prefeito,  a Organização Mundial da Saúde estima que, só em 2014, o Brasil tinha mais de 30 milhões de animais abandonados. Por ser um número bastante assustador, a preocupação em cuidar desses bichinhos deveria ser ainda maior, em vez de sancionarem uma lei que permite os maus tratos. 

Muitas vezes, as pessoas que são fã de animais fazem de tudo para proteger os bichos e canalizam uma energia de amor para eles. Além disso, cães e gatos que estão em situação de rua merecem o dobro de atenção, já que não têm como se defender ou como se alimentar. Os animais selvagens também merecem o ativismo de muita gente, já que sofrem ainda mais, com caças e abates.

+Adoção de gatos: todos os passos para ter um felino sem maiores problemas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.